Home Notícias Educação Incentivo à leitura: biblioteca é inaugurada em UPRI

Incentivo à leitura: biblioteca é inaugurada em UPRI

Incentivo à leitura: biblioteca é inaugurada em UPRI

A biblioteca Escritores da Liberdade, da Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz, antiga CCPJ, foi inaugurada na manhã desta quinta-feira (3). O projeto faz parte das ações desenvolvidas dentro da unidade, com a orientação dos detentos por meio de métodos educativos, a fim de reduzir o tempo de pena. Atualmente, são 320 encarcerados.

“Os projetos desenvolvidos dentro da Unidade Prisional trazem a questão da humanização da pena. Nós temos que desenvolver projetos para que as pessoas que chegam reclusas aqui na unidade, privadas de sua liberdade, saiam melhores do que chegaram”, explica o diretor de segurança da UPRI, Diogo Roberto Barbosa.

 

Dentre as ações da unidades estão: Remissão pelo Trabalho (40 vagas), Ensino Regular, 1° ao 5° ano, e 6° ao 9° (60 vagas). E agora, a biblioteca em busca da remissão pela leitura. O último projeto foi instaurado em parceria com instituições da cidade que fizeram doações de livros para a Unidade Prisional.

De acordo com o pedagoga da UPRI, Maria José Oliveira, a expectativa é de que pelo menos 100 internos participem do projeto. A proposta é influenciar a leitura e o pensamento crítico dos detentos, já que, ao ler o livro, uma resenha deve ser elaborada. O escrito deve passar pela pedagoga e por uma professora de língua portuguesa. Após esse processo de revisão, os textos dos detentos serão encaminhados para a Promotoria, onde a pena será avaliada. A leitura de um livro corresponde a quatro dias de remissão.

“Com a leitura, eles vão transformando o psicológico e aprendendo a valorizar a própria liberdade. Por isso, o nome da nossa biblioteca é ‘Construtores da Liberdade’”, conclui Maria José.