Home Notícias Educação Alunos do Brasil vencem principal torneio de robótica do mundo

Alunos do Brasil vencem principal torneio de robótica do mundo

Alunos do Brasil vencem principal torneio de robótica do mundo

O pódio, nos Estados Unidos, é verde e amarelo. Deu Brasil no primeiro e no terceiro lugar da maior competição de robótica do mundo, o World Festival, em Houston. A equipe Red Rabbit, formada por alunos do SESI de Americana (SP), conquistou o título de grande campeã, dentre 108 equipes de diversos países. “É um momento muito especial. A gente praticou muito para chegar neste resultado”, disse, em lágrimas, o estudante Mateus Duarte, 15 anos, celebrando o primeiro lugar geral.

O resultado coloca o SESI no topo da educação mundial, quando o assunto é robótica. A disputa, no estado do Texas, é considerada a Copa do Mundo da robótica. A premiação foi realizada neste sábado (21). “É algo que a gente nem imaginava. Mas essa vitória veio do trabalho em equipe e da nossa união”, comemorou outro integrante da Red Rabbit, Luigi Fagundes, 12 anos.

Para o técnico do time, Denis Santana, a atual temporada foi a mais difícil que já participou. “A gente não desanimou em momento algum e conseguimos este resultado”.

A supremacia do SESI ficou ainda mais evidente com a conquista também do terceiro lugar geral, com as meninas da equipe Jedi’s, do SESI de Jundiaí (SP). Foi um fim de tarde emocionante no World Festival. Para o técnico da equipe, Clayton Júnior, a conquista é reflexo de muito trabalho e dedicação durante a temporada.

“É muito gratificante. As meninas foram extremamente dedicadas e se doaram muito. Agora vamos descansar uns dias e já começar a planejar a próxima temporada”, afirma. Uma curiosidade é que a equipe Jedi’s é formado apenas por meninas. O técnico explicou que isso não é regra, foi apenas uma coincidência que, nesta temporada, apenas elas fossem aprovadas no processo seletivo do time.

Para o diretor de Operações do SESI, Paulo Mól, a conquista coloca a instituição como referência mundial no ensino da robótica educacional. “Hoje é um dia que precisa ser celebrado, porque o SESI de Americana conquistou o primeiro lugar na competição mais importante de robótica do mundo. Os campeões mundiais de robótica são do SESI. E claro, isso é resultado de um trabalho árduo de alunos, pais, professores e instrutores, que se dedicam incansavelmente a cada temporada”, diz.

E não para por aí. O SESI ainda levou outros dois prêmios na disputa. A equipe Big Bang, do SESI de Birigui (SP), ficou em primeiro lugar na apresentação do projeto de pesquisa. Já a equipe Thunderbóticos, do SESI de Rio Claro (SP), conquistou o segundo lugar em programação do robô.