Home Brasil Estados devem ser reconhecidos como livres de febre aftosa

Estados devem ser reconhecidos como livres de febre aftosa

Estados devem ser reconhecidos como livres de febre aftosa

Após avaliação do Comitê Científico da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), 25 estados e o Distrito Federal devem ser reconhecidos livres da febre aftosa com vacinação pelos 180 países-membros do órgão. Em Santa Catarina, o reconhecimento sem vacinação já está em vigor desde 2007. A confirmação da medida do Comitê deve vir na reunião da assembleia-geral em maio.

Conforme prevê o Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (Pnefa), o próximo grande passo do Brasil será retirar a vacinação contra a doença. A partir de maio do próximo ano, Acre e Rondônia, além de municípios do Amazonas e de Mato Grosso, começarão a abolir a vacinação. A previsão é que até maio de 2021 todo o País deixe de vacinar o rebanho e, até maio de 2023, o País inteiro poderá ser reconhecido pela OIE como livre da aftosa sem vacinação.