Presos suspeitos de envolvimento em morte de taxista em Imperatriz

Foi preso neste domingo (18) Maurilio de Sousa Neto, conhecido como “Netinho”, um dos suspeitos de participar do assassinato do taxista João Machado Aguiar (58 anos), morto no dia 08 de fevereiro em Imperatriz.

Netinho foi encontrado no município de Governador Edison Lobão e encaminhado ao plantão de Polícia Civil em Imperatriz.

A prisão foi feita através de informações recebidas pelo serviço de inteligência da Polícia Militar, que ainda na sexta feira (16) chegou a uma adolescente e ao homem identificado como Adriano Lima da Silva. Para a polícia, os três têm participação no assalto que terminou com a morte do taxista.

De acordo com delegado de homicídios Praxísteles Martins, tanto Netinho quanto os outros dois nomes identificados estão envolvidos também em outros crimes.

“Durante as investigações do assassinato entrevistamos outros taxistas que já foram vítimas de assalto, eles relataram que a forma que ocorriam os roubos e as pessoas que praticavam se assemelham, o que aumenta a suspeita que é a mesmo grupo”, comenta.