Home Cultura Carnaval Corte Momesca para o Carnaval 2018 é eleita em São Luís

Corte Momesca para o Carnaval 2018 é eleita em São Luís

Corte Momesca para o Carnaval 2018 é eleita em São Luís

A agitação das torcidas, a batucada do samba e a beleza das fantasias deram o tom do concurso da Corte Momesca para o Carnaval 2018 em São Luís. O concurso aconteceu no Cine Teatro da Cidade, na sexta-feira (2), e elegeu Danilo Ferreira e Nyna Gracyelle como Rei Momo e Rainha, e Rayane Moraes e Natalia Silva como princesas. Eles desfilarão pela cidade durante as festas carnavalescas.

A programação também contou com o desfile da Corte da 3ª Idade e o grupo Divina Batucada.

Na abertura da Passarela do Samba, que vai acontecer na sexta-feira (9), a corte receberá a chave da cidade como marco oficial de abertura do Carnaval 2018. O secretário municipal de Cultura, Marlon Botão, destaca que esta é a terceira edição da eleição da Corte Momesca que acontece no Cine Teatro da Cidade e que é um momento relevante do Carnaval, porque a Corte tem o compromisso de comandar a festa em todos os eventos carnavalescos até o próximo ano.

Nyna Gracyelle é educadora física e já foi eleita como rainha no ano de 2014. Para este ano, ela afirma que, além de sua prática profissional, também frequentou uma clínica de estética. Ela disputou contra cinco outras candidatas a Rainha. “Para mim é um prazer enorme assumir novamente este posto em 2018 e representar a alegria do Carnaval, esta festa popular que é tão rica e característica da cultura maranhense”, declara.

Danilo Ferreira, por sua vez, disputou contra três outros candidatos a Rei Momo. “Esse resultado é fruto de ensaio, boa alimentação e muita água. Como sou gordinho, peso 150kg, precisei ralar muito para ficar em forma e aguentar o pique. O meu reinado será marcado por paz, amor, alegria e samba no pé”, explica Danilo Ferreira, eleito Rei Momo do Carnaval 2018.

Imagem: divulgação

Premiação

A Corte Momesca eleita receberá a seguinte premiação: ao Rei Momo e Rainha do Carnaval serão pagos R$ 5.000 e às duas Princesas escolhidas, a premiação será de R$ 3.500 para cada.

A Comissão de Avaliação Artística (julgadora) foi composta pelo empresário do mercado de moda Márcio Prado, bailarino Abelardo Telles, publicitário Marcos Davi, empresário do mercado de moda Ayrton Vale e a produtora cultural e organizadora da Corte da 3ª Idade Mara Nailda, que avaliaram quesitos como simpatia, espírito carnavalesco, desembaraço, sociabilidade e facilidade de expressão, harmonia no conjunto e domínio na arte de sambar.