Em protesto, moradores do Cajueiro bloqueiam avenida

Moradores dos  povoados que compõem o Cajueiro, na zona rural de São Luís, bloquearam a principal via de acesso ao bairro nesta segunda-feira (18). Eles reclamam do processo de desapropriação e instalação da empresa WPR na área, que teve início em 2014.

Moradores do local reclamam que a empresa tem oferecido quantias irrisórias em troca das propriedades. Quem mora nas casas garante, por meio de documentos passados em cartório, que a propriedade do imóvel é legítima.

Os povoados que integram o Cajueiro são: Andirobal, Parnauaçu, Guarimanduba e Sol Nascente.

Em nota, a empresa diz que tem todas as licenças para a execução das obras. Leia:

A WTorre informa que tem todas as licenças necessárias para o início de obras. Por conta disso é que iniciou os trabalhos de supressão vegetal. Cabe esclarecer que a grande parcela da Comunidade do Cajueiro situa-se fora da área a ser instalado o Terminal Portuário de São Luís. Já os moradores vizinhos à área de instalação do terminal estão sendo acompanhados pelas empresas responsáveis pelas obras no local. Quanto aos benefícios do empreendimento, há a possibilidade de criação de postos de trabalhos e desenvolvimento para a região.