Home Maranhão Imperatriz Paciente com Síndrome de Fournier aguarda vaga em UTI

Paciente com Síndrome de Fournier aguarda vaga em UTI

Paciente com Síndrome de Fournier aguarda vaga em UTI

Enquanto espera por uma vaga na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Municipal de Imperatriz, o HMI, Rita Maria Alves da Silva, 52 anos, está em um quarto do hospital, isolada dos demais pacientes.

Segundo os médicos, ela foi diagnosticada com Síndrome de Fournier, uma doença considerada rara, que é provocada por bactérias.

A família reclama da demora no atendimento e no diagnostico da doença. De acordo com a família para que o diagnóstico fosse dado com precisão foram necessárias três avaliações cirúrgicas.  A doença não é contagiosa mas deve ser tratada com rapidez pois coloca em risco a vida do paciente.

Rosangela Carvalho, filha da paciente, fala do sofrimento da mãe. “Há quinze dias estamos buscando tratamento, o médico disse que o melhor pra ela é ficar em uma UTI, mas não tem UTI”, lamenta.

Há uma semana, Rita foi submetida a um procedimento cirúrgico, logo após liberada para continuar o tratamento em casa, mas retornou ao hospital municipal com complicações no estado de saúde.

A equipe do MA10 entrou em contato com a Secretaria de Saúde para esclarecimentos, mas até o fechamento desta matéria, às 19h40, não obteve qualquer resposta.