Home Maranhão São Luís Aulas do curso de olaria são iniciadas em São Luís

Aulas do curso de olaria são iniciadas em São Luís

Aulas do curso de olaria são iniciadas em São Luís
Começou o curso de olaria, que está sendo ministrado na Galeria Trapiche. O curso de Olaria em Formas e Objetos foi iniciado nessa terça-feira (12), e terá duração de três meses, com aulas ministradas às terças e quintas-feiras, das 14h às 17h. A ação faz parte no projeto Ateliê Trapiche, que visa formar novos artistas.

Às segundas e quartas, também são ministradas, na Galeria Trapiche, aulas do curso de desenho do corpo humano, também com duração de três meses. Em paralelo, a Galeria está com a exposição Acervos até o dia 4 de outubro, aberta para visitação no período vespertino. “Nosso objetivo é ocupar todo este espaço e munir a sociedade de arte”, ressaltou a diretora da galeria, Camila Grimaldi.

O professor Uiran Oliveira destacou a metodologia do curso. “A proposta é que sejam aprendidas ou exercitadas as habilidades com a argila, com breve explicação teórica e aulas práticas, executando aquilo que está sendo aprendido”, enfatiza o professor.

No curso de argila, pessoas experientes e leigas compõem a turma, sendo que todas as peças produzidas ficam para os alunos.

AULA

Na primeira aula, os alunos aprenderam os conceitos básicos, como fazer a base e dar forma à argila. O professor explicou que a sensibilidade é essencial, ajuda a perceber onde precisa de mais material e ou de reparos. Na oportunidade, a turma também ouviu sobre a queima das peças e onde encontrar matéria prima.

“A argila é um material abundante no Maranhão, esta que estamos usando foi comprada em Rosário, mas também achamos em São Luís. As peças produzidas serão queimadas no forno artesanal da Galeria, que é fruto de um outro curso desenvolvido aqui. Cada peça tem uma temperatura para atingir aquilo que queremos, os azulejos, por exemplo, precisam de uma temperatura maior. Para esta peças o ideal é que seja a 80°. Quando vemos uma peça muito avermelhada, significa que passou mais tempo queimando ou com maior temperatura”, ensinou o professor.