Home Notícias Estudioso da ditadura militar é entrevistado no Programa Resenha

Estudioso da ditadura militar é entrevistado no Programa Resenha

Estudioso da ditadura militar é entrevistado no Programa Resenha

O entrevistado da edição deste sábado (2) do programa Resenha foi Vicente Rodrigues, autor do livro “Documentos (In)Visíveis – arquivos da ditadura militar e acesso à informação em tempos de justiça de transição no Brasil”, que comentou as dificuldades e movimentos políticos do período de ditadura militar no Brasil, instalada no país entre abril de 1964 e março de 1985. Ele também comentou as repercussões do modelo político no país.

Vicente esclareceu também algumas inconsistências na Lei de Anistia Política, promulgada em 1979, no governo do presidente João Baptista Figueiredo, para reverter punições aos cidadãos brasileiros que, entre os anos de 1961 e 1979, foram considerados criminosos políticos pelo regime militar. Ele aponta que a lei surgiu de uma segregação de grupos dentro da própria ditadura. Um dos grupos observou que o regime chegava ao fim e que era preciso negociar, ou melhor dizendo, ajustar a transição para um processo mais democrático. Este grupo elaborou a lei de anistia, que acabou servindo para proteger interesses de militares envolvidos com graves violações dos direitos humanos. “Isso é um reflexo desse tipo de transição que a gente teve no Brasil”, comenta ele.

 

Confira a entrevista na íntegra abaixo: