Home Maranhão São Luís Ação social beneficiará mais de três mil pessoas no Recanto Verde Vila Itamar

Ação social beneficiará mais de três mil pessoas no Recanto Verde Vila Itamar

Ação social beneficiará mais de três mil pessoas no Recanto Verde Vila Itamar

Quatro dias em missão do carisma de amor e caridade de Santa Paula Frassinetti no Recanto Verde Vila Itamar. Esse é o principal objetivo da participação de 178 voluntários, entre estudantes, pais, educadores, profissionais de áreas diversas, comunidade escolar da escola Divina Providência na ação social a ser realizada desta quinta-feira (31) a domingo (3) nesta comunidade.

Serão mais de três mil beneficiados – crianças, jovens, adultos e idosos – por meio de atividades como assessoria jurídica, consultas médicas, odontológicas, de medicina alternativa e oferta de esporte e lazer, palestras diversas, oficinas de artesanato, de reciclagem, de brinquedos, entre outras iniciativas. Tudo isso faz parte do Projeto Frassinetti, iniciativa existente há mais de 50 anos, que  ocorre por triênio em comunidades carentes, e no Recanto Verde Vila Itamar, este é o terceiro ano. De acordo com a diretora do colégio Santa Teresa e uma das coordenadoras da iniciativa, Maria do Carmo Mesquita, toda comunidade educativa da escola está envolvida neste projeto missionário e de responsabilidade social, reforçando cada vez mais o trabalho voluntário. “Partilhamos o que somos e o que temos. Ser boa notícia, eis o nosso lema. Para o Santa Teresa, esta iniciativa tem uma grande importância sociomissionária, tira-nos da rotina, da nossa zona de conforto, leva-nos aos empobrecidos, faz-nos melhores, exercita nosso lado cidadão”, enumera.

José Nathan, aluno da 3a série do Ensino Médio, que já participou do Projeto em 2016, acredita está é uma oportunidade de conhecer uma outra realidade diferente da que vivem. “É muito gratificante ver pessoas trabalhando em conjunto por um bem maior, pois não queremos nada em troca”, revela.

Sobre o nome do projeto

O Projeto Frassinetti recebeu este nome em homenagem a Paula Frassinetti, nascida em 1809 na cidade de Gênova, Itália, que, na pequena aldeia de pescadores Quinto al Mare, envolveu-se com a catequese das crianças e atraiu a atenção das jovens locais para uma vida dedicada ao Senhor e ao próximo, dando origem mais tarde à Congregação das Irmãs Dorotéias, presente em vários países pelo mundo, voltada à evangelização pela educação e do amor, tendo Frassinetti como mestra e fundadora.