Home Maranhão Acusada de matar companheiro com golpes de machado e facão é condenada

Acusada de matar companheiro com golpes de machado e facão é condenada

Deuzina Ramos de Oliveira, acusada de ter matado o companheiro Raimundo Nonato do Vale a golpes de machado e facão, foi julgada pelo Poder Judiciário em Timbiras. Ela foi considerada culpada pelo Conselho de Sentença e recebeu a pena de sete anos e nove meses de reclusão.

O crime aconteceu no dia 7 de abril de 2011, na casa de Deuzina, situada no Povoado Vereda, em Timbiras. A acusada e um homem de nome Francisco Oliveira mataram Raimundo Nonato do Vale, apelidado de “Nato”. Os dois provocaram lesões fatais em Raimundo.

Deuzina Ramos dos Reis, então companheira de Nato, ao ser interrogada pela polícia, assumiu a autoria exclusiva do homicídio e disse que agiu em legítima defesa. A acusada afirmou em depoimento que tinha comportamento sexual desviante, mantendo relacionamento amoroso com outro homem, que seria Francisco, dezessete anos mais novo que ela. Ela tentou ocultar a autoria dele do crime e assumi-lo sozinha.