HomePolícia Funac se manifesta sobre morte de adolescente no Canaã

Funac se manifesta sobre morte de adolescente no Canaã

Funac se manifesta sobre morte de adolescente no Canaã

A Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), vinculada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) emitiu nota se manifestando sobre a morte de um adolescente enquanto este cumpria medida provisória na unidade do Centro de Juventude Canaã, no bairro do Vinhais, em São Luís.

Segundo informações da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), ele estava na unidade há 14 dias e foi encontrado com sinais de enforcamento no alojamento, que tinha outros dois jovens. Outro adolescente, companheiro de alojamento, assumiu a autoria do crime.

A direção do Centro de Juventude Canaã já registrou boletim de ocorrência e a perícia já foi realizada no local. O caso está sendo apurado pela Secretaria de Segurança Pública.

Em nota, a Funac também esclarece que “A família foi informada sobre o ocorrido com o adolescente e a Funac está dando todo o apoio e acompanhamento psicológico. Foi providenciado ainda o suporte para o funeral (urna funerária, higienização e conservação do corpo) e translado para o município de Pedreiras, com acompanhamento de uma equipe técnica da Funac e Sedihpop para entrega do corpo aos familiares e demais trâmites legais”.

O sistema de justiça foi informado sobre o fato (2° Vara da Infância e da Juventude, Ministério Público e a Defensoria Pública). A presidente da Funac, Elisângela Cardoso, e o secretário dos Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, juntamente com a Superintendência de Combate à Violência Institucional, Secretaria Adjunta de Direitos Humanos da Sedihpop e a da Coordenadora do Programa Pacto Pela Paz, receberam, para mais esclarecimentos sobre o caso, membros do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente do Maranhão (Cedca); do Centro de Defesa Padre Marcos Passerini; do Sindicato dos Servidores da Funac; e o promotor do Ministério Público, Raimundo Nonato Cavalcante.