Home Polícia Identificado um dos envolvidos com assalto no aeroporto

Identificado um dos envolvidos com assalto no aeroporto

Identificado um dos envolvidos com assalto no aeroporto

Foi identificado o suspeito que foi baleado em troca de tiros durante o assalto realizado na agência dos Correios localizada no Aeroporto Marechal Cunha Machado nessa quinta-feira (22).  Israel Reis Nascimento (21 anos), conhecido como “tatuzinho”, possui histórico criminal de envolvimento com porte e tráfico de drogas, roubo e posse irregular de arma de fogo.

Segundo a Polícia Federal, foram três homens envolvidos no crime. Um foi alvejado e preso em flagrante. Os outros dois fugiram do local, sendo que um deles foi baleado no braço durante a ação criminosa. A polícia acredita que ele procurou atendimento médico em alguma unidade de saúde da capital.

Também foram apreendidos no momento um revólver calibre 38, munições e uma moto, os dois utilizados na ação criminosa, além de aparelhos celulares.

Posicionando-se sobre a segurança do aeroporto, a Polícia Federal emitiu a seguinte nota:

A Polícia Federal no Maranhão informa que possui atribuições de polícia aeroportuária, previstas constitucionalmente, e tais atribuições seguem sendo cumpridas mediante demanda no Aeroporto Internacional Marechal Hugo Cunha Machado, com inspeções de rotina na área interna do aeroporto, além do atendimento de ocorrências dentro da sua competência de Polícia Judiciária da União. Informa, ainda, que o posto fixo não foi desativado, e tem sido utilizado enquanto de apoio aos policiais federais durante tais inspeções ou ocorrências previstas em lei.
Todas as atividades antes feitas pelo Plantão da PF no Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado, tais como registros para embarques armados e despacho de armas, registros e adoção de providências de ocorrências AVSEC etc., passaram a ser realizadas pelo Plantão desta SR/PF/MA, em fluxo único, visando maior controle e celeridade.
Ressalta-se que delitos eventualmente cometidos em áreas públicas do aeroporto não são, em regra, de atribuição da PF. Além disso, não há necessidade da realização do serviço de polícia de imigração pela PF no local, uma vez que a cidade de São Luís não conta com voos internacionais comerciais regulares.
Por fim, esclarecemos que lavratura do Auto de Prisão em flagrante referente à tentativa de roubo à agência dos Correios, ocorrida na quinta-feira (22), somente foi atribuição da PF em decorrência da qualidade de empresa pública federal dos Correios.

Sobre o crime

Uma tentativa de assalto registrada na manhã desta quinta-feira (22) na agência dos Correios, localizada na parte interna do Aeroporto Marechal Cunha Machado, terminou com suspeitos baleados. Um funcionário que chegava ao local também foi ferido com um tiro.

De acordo com informações preliminares, dois suspeitos ainda não identificados tentaram assaltar o estabelecimento por volta das 10h40, e um deles foi surpreendido com um tiro. O suspeito ferido foi encaminhado ao Socorrão II e o outro fugiu do local, sem levar qualquer valor em dinheiro da agência.

O funcionário dos Correios foi levado para um hospital particular de São Luís.