Home Notícias Educação Mais de 18 milhões de alunos vão participar da Obmep 2017

Mais de 18 milhões de alunos vão participar da Obmep 2017

Mais de 18 milhões de alunos vão participar da Obmep 2017

Mais de 18,2 milhões de alunos brasileiros farão, na próxima terça-feira (6), a prova da primeira fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). Será a 13ª edição da maior competição estudantil do País.

Dessa vez, a olimpíada bateu recorde de inscrições com 53.230 instituições de ensino, abrangendo 99,6% dos municípios brasileiros. Além disso, a Obmep contará, pela primeira vez, com participantes de colégios particulares, que somam 4.472 inscritos.

Cada escola inscrita na Obmep 2017 vai aplicar e corrigir as provas, seguindo as instruções e os gabaritos elaborados pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), que realiza a olimpíada.

Com 2h30 de duração, as provas são diferenciadas em três níveis, de acordo com o grau de escolaridade: 6º ou 7º ano do ensino fundamental; 8º ou 9º ano do ensino fundamental; e ensino médio. Cada uma tem 20 questões de múltipla escolha, e os alunos classificados nessa etapa farão a segunda fase, discursiva, marcada para 16 de setembro.

“A prova da Obmep não mede conhecimento, mas habilidade e raciocínio”, afirma o coordenador-geral da olimpíada, Cláudio Landim, acrescentando que a olimpíada tem o objetivo de aumentar a qualidade do ensino da matemática no País por meio da formação de professores e alunos.

Segundo ele, o impacto dessa política pública talvez explique a melhora dos alunos no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), que vem ocorrendo desde 2003.

Escolas particulares

A adesão de alunos das escolas privadas a partir desta 13ª edição da Obmep pretende garantir que todas as escolas brasileiras tenham acesso a material de qualidade, ajudando a despertar o gosto pela matemática. Esse tipo de iniciativa tem produzido resultados positivos nas escolas.

A Obmep vai dar o mesmo número de premiações a alunos de escolas públicas que nas edições anteriores (500 medalhas de ouro, 1.500 de prata, 4.500 de bronze e até 46.200 menções honrosas), e também premiará estudantes de escolas particulares (25 ouros, 75 pratas, 225 bronzes e até 5.700 menções honrosas).

Criada em 2005, é uma realização do Impa com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC).

Portal Brasil