Home Maranhão Imperatriz Câmara convoca audiência pública para tratar da limpeza urbana

Câmara convoca audiência pública para tratar da limpeza urbana

Câmara convoca audiência pública para tratar da limpeza urbana

Uma audiência pública foi convocada para o dia 1° de junho, pela Câmara de Vereadores de Imperatriz, para que haja esclarecimentos do encerramento de contrato com a Brasmar, empresa que prestava serviço de limpeza pública para Imperatriz e sobre a nova contração da Prefeitura.

Entenda melhor o caso clicando aqui .

No dia 23 de maio, através de um aviso de resultado de licitação publicado no Diário Oficial do Estado, a prefeitura anunciou o novo fornecedor. A mesma empresa foi declarada como “vencedora” de dois pregões, o pregão presencial nº 22/2017 realizado no dia 17 de maio, em que seria responsável pela “conservação, limpeza, segurança e transporte de natureza contínua com alocação de mão de obra”, com orçamento anual estimado de 16 milhões de reais.

O outro de nº 26/2017, realizado dia 19 de maio, em que assume a “locação de caminhões com motorista para execução de serviços de manutenção em atendimento à demanda da SINFRA”, com valor global estimado de contratação de 18,5 milhões de reais.

“Tem muita coisa obscura nesse processo. O edital fala de 12 meses de contratação e há informações que o contrato foi de três meses. A principal característica que deve ter é a limpeza pública e não está constando no edital. Por isso, convocamos todas as partes envolvidas”, afirmou o vereador Carlos Hermes (PCdoB).

Foram convocados o Ministério Público, a empresa (Construtora Redenção) que teria ganho essa nova licitação, a Brasmar, a Prefeitura Municipal, o sindicato dos garis junto com os representantes da limpeza pública e a Ascamari (Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz), para participarem da audiência.

Alguns representantes da prefeitura, sindicatos, a Brasmar e a nova empresa contratada participaram hoje (31) de uma audiência mediada pelo Ministério Público do Trabalho. Foram discutidos assuntos como o pagamento da rescisão dos garis, pagamento da Brasmar e a contratação dos ex-funcionários pela próxima empresa.