Home Política Comissão tentará votar reforma trabalhista nesta tarde

Comissão tentará votar reforma trabalhista nesta tarde

Comissão tentará votar reforma trabalhista nesta tarde

A comissão especial da Câmara que trata da reforma trabalhista, que prevê, entre outros pontos, a prevalência de acordos e negociações coletivas sobre a legislação, discutia a proposta nesta terça-feira (25) numa sessão tensa, com expectativa de votação no final da tarde.

Prioritária para o governo, que a encara como uma oportunidade de testar sua base para a votação da polêmica reforma da Previdência, a proposta trabalhista também enfrenta resistências, mesmo na base aliada.

Criticando o parecer, a oposição argumentou que a proposta precisa de mais tempo de discussão e acusou o governo de tentar correr com a tramitação da reforma por temor das greve geral e manifestações previstas para a sexta-feira.

Na semana passada o governo conseguiu, após fracassar na primeira tentativa, aprovar um requerimento de urgência para a proposta, o que permitiu a supressão de prazos e possibilitou que fosse pautada para esta terça na comissão. A ideia inicial é votá-la nesta terça na comissão e na quarta e quinta-feira no plenário da Câmara.

O regime de urgência autoriza ainda que a matéria possa ser levada diretamente ao plenário, caso não seja possível votá-la na comissão.

Contra esse movimento, a oposição apresentou um requerimento, por meio da deputada Benedita da Silva (PT-RJ), para retirar a matéria da pauta. Governistas na comissão, no entanto, defendiam a reforma dizendo que a proposta pode gerar novos postos de trabalho.

O requerimento foi rejeitado.

Fonte: Reuters