Home Maranhão Imperatriz Mulheres suspeitas em esfaquear maridos são investigadas

Mulheres suspeitas em esfaquear maridos são investigadas

Mulheres suspeitas em esfaquear maridos são investigadas

Casos que envolvem duas mulheres suspeitas de esfaquear seus maridos, em Imperatriz, estão sendo investigados pela Delegacia de Homicídios. O primeiro homicídio aconteceu em janeiro deste ano, já o segundo no último domingo (2). Os dois casos ocorreram no bairro Bom Jesus.

Segundo o delegado da Delegacia de Homicídios, Jean Gustavo, o primeiro caso já está em fase de conclusão, a agressora se apresentou espontaneamente na delegacia, mas para o encerramento do inquérito, falta ouvir mais testemunhas. Já o segundo caso, desde o momento em que ocorreu, equipes da polícia militar e civil estiveram em campo com o intuito de efeituar a prisão em flagrante, mas a suspeita fugiu da cidade. As investigações estão em andamento.

“Além de terem sido praticados no mesmo bairro, as duas investigadas alegam que lesionaram as vítimas como reação à uma justa agressão. O fato é que as duas vítimas vieram a óbito, então temos que verificar se de fato em relação a essas ações houve legítima defesa e essa certeza nós teremos no final do inquérito policial”, explica o delegado Jean Gustavo.

Entenda os casos

No dia 22 de janeiro, em um domingo, Valton Rodrigues da Silva, 28 anos, foi vítima de esfaqueamento pela companheira, no Residencial Dom Affonso Felipe Gregory, no bairro Bom Jesus. Segundo informações, o rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O outro homicídio aconteceu no último domingo (2), e teve como vítima Luís Fernando Farias, 37 anos. O crime também aconteceu no bairro Bom Jesus. Segundo relatos, o homem foi morto pela própria companheira, Antônia Dayane.

De acordo com as informações da Polícia Militar, o marido tinha agredido a esposa. Em seguida, ela teria pego uma arma branca e desferido a perfuração no esposo, que após ser esfaqueado, negou a ser socorrido porque a perfuração não aparentava ser profunda.