HomeMaranhãoSão Luís Aprenda a lucrar com o período mais doce do ano

Aprenda a lucrar com o período mais doce do ano

Aprenda a lucrar com o período mais doce do ano

A Páscoa, atualmente, ocupa o segundo lugar entre as datas comemorativas que mais movimentam o mercado. Uma das maneiras encontradas pelas empresas para impulsionar as vendas nesse período, é atrair os consumidores com uma variedade extensa de produtos de Páscoa.

Mas, o cenário econômico atual, não vem favorecendo as empresas nessa comemoração, efeito que ocasionou, em 2016, o pior número em vendas de Páscoa dos últimos 13 anos, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab). Para se destacar, os setores ligados à produção de chocolate precisaram ser criativos e se reinventarem.

Na contramão, a produção de ovos caseiros cresceu bastante, tornando-se uma opção para quem quer ganhar renda extra e caindo nas graças do consumidor pelo ótimo custo/benefício, a diferenciação dos ovos tradicionais e, claro, o toque gourmet, que deixa os produtos deliciosos.

A estudante de direito Nayanne Ferres, encontrou na produção de ovos caseiros uma forma de conseguir renda extra em um curto período. Motivando-se pelos altos preços dos ovos industrializados, ela uniu força de vontade e gosto por doces para empreender com talento na temporada pascoal.

“No começo eu fiquei com receio de não dá certo, comecei a fazer cursos, estudar, pesquisar mesmo. A culinária não é tão simples como a gente acha, um erro pode destruir toda a receita”, conta a estudante.

As vendas foram iniciadas por meio de uma rede social da estudante, ela conta que divulga os produtos com qualidade e de preço justo para a clientela.

“Utilizo as redes sociais para divulgar os meus produtos, e o meu namorado e a minha irmã me ajuda quando eu estou muito atarefada com as encomendas. A minha loja tem um Instagram e uma página no Facebook. Minha mãe que já era doceira me ajuda muito nas encomendas, a ajuda dela é essencial para cumprir as entregas”, disse Nayanne Ferres.

Mesmo com a vasta diversidade de ovos de Páscoa nos mercados, muita gente prefere os produtos feitos de maneira artesanal. A busca por “chocolate de verdade” aquece o mercado, além da maior simpatia pelo carinho e o cuidado que cada detalhe desses ovos caseiros inspira.

Seja na proposta ou na apresentação, quando se une talento e criatividade, é possível agradar o paladar e encher os olhos do consumidor e, dessa forma, se destacar em um segmento promissor.