HomeCulturaCinema Maior festival de cinema autoral do Brasil começa em São Luís

Maior festival de cinema autoral do Brasil começa em São Luís

Maior festival de cinema autoral do Brasil começa em São Luís

Com 7 longas-metragens inéditos e 11 curtas, o LIFF – Lume International Film Festival será exibido em São Luís a partir desta quinta-feira (16), no Cine Lume, localizado no Renascença II, no Edifício Office Tower. O festival, que na sua quarta edição já é um dos mais respeitados do país, traz produções nacionais e de França, Bélgica, Espanha, Coreia do Sul, Romênia, Canadá, Estônia e Turquia e outros países. O LIFF fez suas primeiras exibições em São Paulo e está acontecendo simultaneamente em mais de 10 cidades do Brasil. Os premiados – já anunciados – são os filmes Still Life, de Maud Alpi, como o melhor filme e Over, de Jörn Threlfall, como melhor curta metragem. Os premiados ganharão contrato de distribuição com a Lume Filmes.

O festival começa nesta quinta (16), às 19h, com o longa metragem Caminho para La Paz (veja trailer abaixo).

Além da programação selecionada, os maranhenses tem um segundo motivo para comparecer ao Lume Festival. O evento é “prata da casa”, realizado pela maranhense Lume Filmes, coordenada pelo premiado cineasta local Frederico Machado, nome respeitado no cinema brasileiro e que também está presente no festival com sua produção “O signo das tetas”.

Confira o trailer do festival:

PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL INTERNACIONAL LUME DE CINEMA NO CINE LUME:

Quinta (16)
19h – CAMINHO PARA LA PAZ – de Francisco Varone (Argentina)
21h – LESTE OESTE – de Rodrigo Grota (Brasil)

 

Sexta (17)
19h – EAT YOUR BONES -de Jean-Charles Hue (França)
21h – STILL LIFE – de Maud Alpi (França); (trailer abaixo)

Sábado (18)
19h AMOK – de Vardan Tozija (Macedônia)
21h – STILL LIFE -de Maud Alpi (França);

Domingo (19)
19h – CAMINHO PARA LA PAZ – de Francisco Varone (Argentina)
21h – AMOK – de Vardan Tozija (Macedônia)

Segunda (20)
19h – O SIGNO DAS TETAS – de Frederico Machado (Brasil)
20h30 – JOVENS INFELIZES – de Thiago B. Mendonça (Brasil)

Terça (21)
19h – THE WOUNDED ANGEL – de Emir Balgazin (Cazaquistão/Alemanha)
21h – THREAD – de The Boy (Grécia)

Quarta (22)
19h – THREAD – de The Boy (Grécia)
21h – THE WOUNDED ANGEL – de Emir Balgazin (Cazaquistão/Alemanha)

Premiados

O júri escolheu Still Life, de Maud Alpi, como o melhor filme. O drama, filmado em abatedouros reais, acompanha a rotina de vacas e cachorros pelos olhos dos próprios animais. Entre os curtas-metragens, o escolhido foi o excelente Over, de Jörn Threlfall, que retrata as circunstâncias de um crime verídico na Inglaterra.

Veja trailer de Still life, vencedor de melhor filme do IV LIFF – Lume International Film Festival.

Veja mais informações no site do festival.