Vilar exalta tempo maior para fazer ajustes no Rubro Negro

Ainda sem vencer ao comando do Moto Club, o técnico Marcelo Vilar terá um bom período para trabalhar a equipe para adquirir seu primeiro triunfo. Depois de ter jogado nessa quarta-feira, o Rubro-negro só volta a campo após as festividades de Carnaval, no dia 2 de março.

Apesar do bom período, Vilar já começa a esquentar a cabeça para resolver um problema justamente para a próxima partida. Para o confronto diante do Americano, pelo Maranhense, o treinador não poderá contar com seus três principais volantes de marcação. Diego Teles está suspenso, e Felipe Dias e Esdras estão lesionados.

– A gente tem esse período de Carnaval para trabalhar, mas tem também problemas. Infelizmente, o Júnior Juazeiro ainda não se recuperou, o Felipe, o Esdras também e não temos o Diego Teles que foi expulso na última partida. Estou pensando nisso para poder ver como que eu vou fazer ali na cabeça da área – disse o treinador.

A tendência mais forte é o adiantamento de Wanderson para a marcação no meio-campo e a entrada de Fernando Fonseca para formar dupla de zaga com Ozéia. Mas as definições só deverão ser feitas nos treinamentos da próxima semana.

A partida entre Moto e Americano está marcada para o dia dois de março (quinta-feira). O confronto será realizado no Castelão, às 20h.