Home Cultura Carnaval Bloco do Baleiro encerrará Carnaval do Maranhão em grande estilo

Bloco do Baleiro encerrará Carnaval do Maranhão em grande estilo

 

O Carnaval 2017 no Maranhão será encerrado em grande estilo, com um show igualmente maranhense: o Bloco do Baleiro, que acontece no dia 28 de fevereiro, terça-feira gorda de carnaval. Nome fundamental no cenário da MPB nos últimos 20 anos, Zeca Baleiro é a principal atração e comandará uma jardineira, tendo como convidados os também fundamentais Chico César e a paraense Fafá de Belém, além dos DJs Ademar Danilo e Jorge Choairy.

O paraibano Chico César é um dos convidados da programação. FOTO: Reprodução

O Bloco do Baleiro é uma ideia antiga, gerada com carinho pelo cantor e compositor maranhense em parceria com a prima e produtora Samme Sraya. Agora, o sonho do artista vira realidade, encerrando a programação momesca 2017.

A alegria da festa será garantida, além do bom humor. “Abadá”, versão que Zeca Baleiro fez para “Ob-la-di ob-la-da” (Lennon/McCartney), dos Beatles, anuncia a participação do maranhense na programação de carnaval em São Luís, tira onda com o axé e o carnaval baiano: “no Maranhão, basta uma fantasia de fofão”, diz a letra irreverente.

A participação no Bloco do Baleiro é gratuita, mas alto lá! É preciso estar fantasiado.

Nos moldes do bem-sucedido Baile do Baleiro, que ano passado virou programa de televisão, Zeca Baleiro e seus convidados farão a festa com um repertório animado e afetivo de sambas, sambas-enredo, marchinhas, marchas-rancho, frevos, lembrando os antigos carnavais, mas não só, apontando para a multiculturalidade já tão evidenciada em praças como, por exemplo, Recife – onde o artista já se apresentou incontáveis vezes na programação carnavalesca.

 

Fafá de Belém também integra o time de artistas que farão a alegria do Bloco.
FOTO: Reprodução

FESTA

A concentração começa às 17h, na Praça da Casa do Maranhão, seguindo até a Praça Maria Aragão. Fafá de Belém promete, marcando a fala com hashtags: “Será uma pororoca de música! São os do Norte que vêm! Do boi ao carimbó, ninguém segura essa energia! #muitahonra, #sonsdoNorte, #encontrodasaguas”.

“Um baile onde cantaremos de tudo, não só músicas “de carnaval”, mas música dançante em geral, de Tim Maia a Reginaldo Rossi. Será uma experiência, algo inédito, uma tentativa de aproximar o nosso show/bloco da tradição do carnaval de rua maranhense, ao invés de copiar modelos de carnavais de outros estados. Uma festa popular e gratuita”, afirmou Zeca Baleiro.