Home Cultura Cinema de São Luís exibe filmes estrangeiros de sucesso

Cinema de São Luís exibe filmes estrangeiros de sucesso

Cinema de São Luís exibe filmes estrangeiros de sucesso

Apesar do grande destaque dos filmes “hollywoodianos”, há uma vasta produção de filmes em outros países do mundo que se destacam no ramo, gerando críticas positivas e inclusive sendo indicados a famosas premiações, como o Festival de Cannes e o próprio Oscar.  E algumas dessas produções estão disponíveis para os ludovicenses esta semana, no Cine Lume (Renascença).

A programação semanal abre espaço para filmes estrangeiros como Blow Up, que terá exibição única na segunda-feira (13) e retrata a história de Thomas (David Hemmings), um fotógrafo de moda cansado de ser assediado por mulheres em busca de se tornarem grandes modelos. Um dia, ao passar por um parque de Londres, ele vê um casal à distância e resolve fotografá-los. Ao vê-lo Jane (Vanessa Redgrave) corre ao seu encontro, pedindo que lhe entregue os negativos das fotos. Ele se recusa e vai embora, mas ela descobre o endereço de seu estúdio e vai visitá-lo. Lá Jane tenta seduzi-lo e Thomas a engana, entregando outro rolo fotográfico. Ao revelar as fotos, Thomas percebe que pode ter documentado, sem querer, um assassinato. Esse filme britânico foi indicado ao Oscar e ao Globo de Ouro.

Também será exibida a produção japonesa intitulada Creepy. Ela estará nas telas do cinema maranhense na quarta-feira (15) e mostra Takakura (Hidetoshi Nishijima), um ex-detetive que é chamado por um antigo colega, Nogami (Masahiro Higashide), para investigar o caso de uma família desaparecida há seis anos. Takakura acompanha as memórias de Saki (Haruna Kawaguchi), a única sobrevivente da família. Enquanto isso, o detetive e sua esposa recentemente se mudaram. Seu novo vizinho, Nishino (Teruyuki Kagawa), tem uma mulher doente e uma filha adolescente, Mio. Porém, um dia, Mio confessa a Takakura que o homem não é o seu pai e que ela não o conhece.

 

Outros filmes também estão na programação, como o francês Eu, Daniel Blake, vencedor do Palma de Ouro 2016 no Festival de Cannes e o filme russo Paraíso, concorrente ao Oscar na categoria de Melhor Filme Estrangeiro 2017.