Home Polícia Maranhense é presa no DF após raptar criança de 1 mês

Maranhense é presa no DF após raptar criança de 1 mês

Maranhense é presa no DF após raptar criança de 1 mês

Uma maranhense de 32 anos, identificada como Francisca Ribeiro, foi presa nessa terça-feira (7) após sequestrar um bebê de 1 mês em Samambaia, no Distrito Federal (DF). Ela tentava embarcar em um ônibus pirata com destino ao Maranhão. A irmã, Maria de Jesus, informou que ela iria usar a criança para reatar o relacionamento com o ex-marido.

No celular da raptora foram encontradas mensagens trocadas com o ex-cônjuge, em que ela dizia estar grávida quando foi para Brasília, e que teria dado à luz ao chegar na cidade.

CASO

Nascida em São José dos Patos, no interior do MA, Francisca estava no Distrito Federal há 20 dias, hospedada na casa da irmã, que mora há 17 anos no DF.

O motivo da ida à casa da irmã seria para espairecer, como ela afirmou, após o rompimento com o marido. De acordo com a irmã, nos dias em que Francisca ficou na cidade, conseguiu estreitar laõs com a vizinha da casa, a operadora de caixa Alessandra Ferreira, 34 anos, ajudando a cuidar da filha recém-nascida.

Com o marido preso e sem familiares por perto, alguns dias depois, Alessandra saiu para registrar a filha Julie e, ao perceber que não teria com quem deixar a criança. O marido de Alessandra está preso.Por volta das 11h, ao retornar para casa, Alessandra não encontrou nem a filha e nem Francisca. Mala e roupas da casa haviam sumido.

A irmã da raptora, Maria de Jesus, ajudou Alessandra a procurar por Francisca no terminal rodoviário mais próximo, em Tagatinga. A mulher foi encontrada em um ponto de ônibus clandestino próximo ao terminal, portando uma única mala e um cobertor para camuflar o bebê. Francisca não reagiu à abordagem da polícia.

Francisca Ribeiro confessou o rapto, sendo autuada por subtração de incapaz, crime inafiançável com pena que pode chegar a seis anos de prisão.