Home Cultura Produção maranhense é premiada na Mostra de Cinema Tiradentes

Produção maranhense é premiada na Mostra de Cinema Tiradentes

Produção maranhense é premiada na Mostra de Cinema Tiradentes

O filme Lamparina da Aurora, de Frederico Machado, teve destaque na 20ª Mostra de Cinema Tiradentes, que aconteceu entre os dias 20 a 28 deste mês.  A produção maranhense foi premiada na categoria Melhor Curta-Metragem pelo Júri da Crítica, Mostra Olhos Livres, conquistando o prêmio Carlos Reichenbach.

A cerimônia de encerramento da Mostra aconteceu na noite de sábado (28) e premiou também os filmes Procura-se Irenice (SP), de Marcos Escrivão e Thiago B. Mendonça, na categoria Melhor  curta metragem Júri Popular ; Vango Vulgo Vedita (CE), de Andréia Pires e Leonardo Mouramateus, na categoria Melhor curta-metragem pelo Júri da Crítica, Mostra Foco; e Baronesa (MG), de Juliana Antunes, na categoria Melhor longa-metragem da Mostra Aurora, pelo Júri da Crítica. Esta última produção também rendeu o Prêmio Helena Ignez pelo destaque da diretora de fotografia, Fernanda Sena.

O eixo temático desta edição da Mostra Tiradentes foi a reação e a reinvenção do e no cinema. A curadoria propôs olhar para a forma como o audiovisual brasileiro tem se comportado num período de crises e incertezas políticas do atual cenário brasileiro. Dedicada ao cinema brasileiro de invenção, reflexão e inquietação, a Mostra reuniu filmes e profissionais diversos para se dedicarem a complexas questões. “O cinema reage, é uma reação dos criadores à vida. Reagem à observação do mundo, a uma reflexão sobre algo da existência deles ou de outros seres, não sem trabalho da imaginação investido nessa reação formal”, escreveu o curador Cléber Eduardo.