Tempestade de granizo assusta moradores de Coroatá

Nesta quarta-feira (4), uma tempestade assustou moradores de Coroatá. Uma chuva de granizo que está caindo desde o período da tarde causou vários transtornos à população, inclusive a queda de uma torre em uma emissora de tv local e danos causados na sede da representante local do Sistema Difusora. Um repórter da Difusora local também perdeu sua casa.

Muitos moradores relataram o caso nas redes sociais. A chuva foi rápida, mas intensa. No Residencial Dom Reynaldo Pünder casas foram destelhadas devido ao forte vento, assim como em outras localidades. O Ginásio Municipal Poliesportivo também teve sua cobertura danificada.

“Nunca tinha visto isso na minha vida. Coroatá está em pânico”, afirmou um funcionário da Difusora em Coroatá, que complementou apontando que a população está preocupada, pois outra ventania se aproxima.

Um mosteiro de Coroatá também foi bastante afetado. “Caiu uma parte do forro externo da Igreja, derrubou árvores aqui, entortou a cruz da torre e jogou uma parte do telhado para longe. A impressão que deu foi que entrou um furacão na igreja. Foi uma coisa horrível, amanhã teremos que passar o dia retalhando a casa. Ficou tudo  revirado”, disse um dos monges.

O Portal MA 10 está no aguardo de mais informações.

Moradores do município registraram a chuva em vídeo. Assista abaixo:

Fonte: Reprodução/Portal Coroatá Online

Granizo

Granizo é uma das formas de precipitação atmosférica, um fenômeno meteorológico, que acontece na forma sólida de gelo.

A formação do granizo ocorre nas nuvens do tipo cumulonimbus (as de tempestade). No interior delas existem correntes que levam o vapor d’água condensado acima do que se chama linha Isotérmica, que é de 0ºC e depois o “arrastam” abaixo desta linha.

Acima desta linha as gotículas de água se congelam e depois “caem”, seja por peso ou por uma corrente descendente. Neste vai-e-vem, o granizo derrete e depois congela novamente, num processo contínuo de aquecimento e resfriamento que absorve cada vez mais umidade e cria camadas e mais camadas de gelo até que as bolas de granizo alcançam um peso que impede sua sustentação, e então ele cai.

Entre a parte mais baixa das nuvens e o solo as pedras de granizo são expostas à temperatura do ar e podem ser aquecidas. Esse aquecimento pode ou não liquefazer o granizo.