Home Maranhão Consumidores do “Reveillón da Península” poderão ser ressarcidos, diz Procon

Consumidores do “Reveillón da Península” poderão ser ressarcidos, diz Procon

Consumidores do “Reveillón da Península” poderão ser ressarcidos, diz Procon

Após a repercussão que teve problemas de serviço na festa “Réveillon da Península”, com a divulgação de um vídeo nas redes sociais que mostra um dos estandes de open food do evento com um serviço desorganizado e sem logística aparente de distribuição da comida aos participantes, além de denúncias dos consumidores, o Instituto de Proteção e Defesa ao Consumidor do Maranhão (Procon/MA)  realizou um acordo com a produtora da festa, empresa ‘J Produções’.

Segundo as denúncias recebidas, o evento prometeu o serviço de ‘Open Food’ de salgados, modalidade de festa a qual o consumidor paga uma quantia fixa por sua entrada, garantindo livre consumação das comidas oferecidas. Entretanto, a organização não cumpriu com o prometido em sua totalidade, causando demora na reposição das comidas.

O objetivo do acordo é oferecer uma compensação aos consumidores que sentiram-se lesados durante o evento, garantindo 50% de desconto no ingresso do próximo evento da produtora (cumulativo com o benefício da meia-entrada), sendo este o Pré-Carnaval do Bloco Devassa. Para ter acesso ao abatimento do preço ou a restituição proporcional do valor, basta que o consumidor comprove a contratação do serviço em comento.

Após iniciada a investigação, a empresa ‘J Produções’, responsável pela festa, explicou que a situação relativa à falta de salgados ocasionada por um curto circuito em duas fritadeiras na área da produção, o que acabou atrasando a reposição de salgados em um dos pontos do evento e gerando insatisfação dos consumidores. Os representantes da empresa ainda alegaram que, como se tratava de uma data festiva na qual praticamente todos os fornecedores de São Luís estavam ocupados, o problema não pôde ser resolvido com a urgência necessária.

O presidente do Procon, Duarte Júnior, apontou ainda que os consumidores que se sentiram lesados devem formalizar denúncia através do aplicativo PROCON Maranhão ou em uma das unidades físicas de atendimento.

Produtora

A produtora enviou uma nota sobre o ocorrido, segue ela abaixo na íntegra:

“Antes de tudo, gostaríamos de agradecer a todos que estiveram presentes no Réveillon da Península.
Em respeito aos clientes e entusiastas do nosso trabalho, pelo compromisso que temos com a verdade, a ética e a transparência, e para evitar qualquer mal-entendido, a produção do Réveillon da Península vem por meio desta nota esclarecer:
1) Sobre o vídeo divulgado em redes sociais, relativo a falta de salgados no evento, informamos que foi um fato isolado, ocasionado por um curto circuito em duas fritadeiras na área de produção, o que acabou atrasando a reposição dos salgados em um dos pontos do evento.
2) Como tratava-se de uma data festiva, na qual praticamente todos os fornecedores de São Luís estavam ocupados, não foi possível achar uma solução imediata para o problema.
3) Bebida – Nós não economizamos em bebida. Este foi nosso primeiro ano e preparamos nosso estoque de cerveja para durar até as seis da manhã, servindo bebida aos participantes até o fim da festa, conforme prometido.
Queremos oferecer sempre o melhor para o nosso público. Agradecemos mais uma vez os participantes do Réveillon Península e pedimos desculpas pelo ocorrido. Por fim, gostaríamos de reiterar nosso compromisso com a qualidade e esperamos encontrar nosso fiel público nos eventos de 2017.”