Pânico em ônibus! Passageiros são roubados e agredidos em São Luís

Imagem Ilustrativa

O número de assaltos a ônibus voltou a crescer na Região Metropolitana de São Luís. Na tarde desta segunda-feira (20) nas proximidades da UPA do Araçagi, passageiros de um coletivo que faz linha para o bairro Divineia passaram por momentos de pânico dentro do veículo durante um assalto.

Cinco bandidos armados adentraram o ônibus e fizeram o verdadeiro ‘raspa’, além de agredirem alguns dos passageiros. Uma senhora que estava no veículo teria afirmado que já foi assaltada três vezes consecutivas somente na semana passada, e o mais lamentável é que a ação acontece sempre no mesmo local, ponto de parada e coletivo.

Ontem, o Sindicato dos Rodoviários informaram que temem que a onda de assaltos a ônibus durante o carnaval de São Luís cresça ainda mais. Os 77 assaltos registrados nos 31 dias do mês de Janeiro têm deixado os trabalhadores em alerta.

Desde o segundo semestre de 2016, a Polícia Militar, tem desenvolvido a Operação Busca Implacável, que realiza abordagens surpresas dentro dos coletivos. Nos primeiros meses, o trabalho surtiu efeito, mas a partir de dezembro do ano passado, os índices relacionados a assaltos, voltaram a crescer na cidade. No último mês do ano, foram 69 ocorrências, número que foi superado durante o primeiro mês de 2017.

O Presidente do Sindicato dos Rodoviários, Isaías Castelo Branco, chama a atenção das autoridades de segurança pública que será preciso agir com mais rigor, no que se refere ao combate e prisão dos assaltantes. Durante o carnaval, a demanda de passageiros que se transformam em foliões e utilizam o transporte público, no deslocamento até as festividades é grande, um momento propício para os criminosos atacarem. O período requer muito cuidado e atenção, dos usuários e dos trabalhadores também.

“Estamos aguardando, para esta semana, uma convocação da Secretaria de Segurança Pública, pra que o órgão nos apresente alguma nova estratégia, ou pelo menos, um cronograma de ação, possivelmente preparado para o Carnaval. Tivemos a informação que nos circuitos da folia espalhados por São Luís, a segurança será reforçada, mas além disso, será fundamental, garantir o direito de ir e vir e a tranqüilidade dos foliões e dos trabalhadores dentro dos coletivos. Desde a divulgação das atuais estatísticas, temos cobrado um posicionamento das autoridades de segurança pública, no sentido de buscar outras soluções para a criminalidade, mas ainda não houve uma sinalização. As vésperas do carnaval, essa é uma preocupação compartilhada por toda a nossa categoria”, alertou Isaías.

Uber passa a operar nesta terça (21) em São Luís e taxistas farão protestos

Foto Reprodução

A plataforma Uber começa a operar em São Luís nesta terça-feira (21). A informação é da gerente de comunicação do aplicativo, Letícia Mazon, em entrevista a O Imparcial. Inicialmente, o primeiro serviço oferecido será o Uber X, que consiste na utilização de carros mais compactos e com preços de corridas mais acessíveis.

Apesar de não revelar quantos carros já estão cadastrados na capital maranhense, Letícia Mazon garantiu que o Uber começa a operar nesta terça (21), às 14h. Mazon também ressaltou que, nesse primeiro momento, o tempo de espera para localizar um motorista pode ser um pouco maior do que os cinco minutos habituais.

“Inicialmente os usuários podem encontrar um pouco mais de dificuldade em localizar um motorista. O tempo-médio provavelmente será um pouco maior do que os cinco minutos. Mas isso com certeza vai melhorar rapidamente, a medida que estivermos com mais motoristas cadastrados”, explicou Letízia Mazon.

A gerente de comunicação da plataforma também garantiu que o aplicativo, apesar dos entraves que enfrenta cotidianamente, já é completamente legal no Brasil. “Nós temos hoje cerca de 12 liminares pelo Brasil que estabelecem que Leis que visam derrubar o serviço da Uber no país são inconstitucionais. A mais recente foi em Belém”, destacou Mazon.

O Uber é um aplicativo disponível para celulares que conecta motorista a passageiros. Oferece um serviço de transporte similar ao táxi, porém com a flexibilidade de funcionar online através do celular contando com várias vantagens.

Com a chegada do Uber em São Luís, o sindicato dos taxistas decidiu que a categoria vai realizar paralisações nas principais pontes que dão acesso ao Centro da capital nos próximos dias  22 e 23 de fevereiro (quarta e quinta-feira): na do São Francisco, Bandeira Tribuzzi, Ipase e na Barragem do Bacanga. Os motoristas se manifestam contra o aplicativo.

Imagem do Dia: caminhão cegonha fica ‘entalado’ no elevado da Cohama em SLZ

O caminhão cegonha não conseguiu passar por baixo do elevado da Cohama

O acidente aconteceu neste sábado (18) na rotatória do Elevado da Cohama, na Avenida Jerônimo de Albuquerque, em São Luís. Com o ocorrido, a parte de cima e o para-brisa de alguns veículos que estavam sendo transportados pelo caminhão cegonha acabaram sendo danificados.

Os carros que estavam em cima do caminhão foram danificados

Demora no atendimento no Supermercado Maciel em São Luís irrita clientes

Caixas vazios sem atendentes

Clientes do Supermercado Maciel localizado no bairro Cohatrac, na Região Metropolitana de São Luís, ficaram irritados com tnta demora no atendimento no local na tarde desta quinta-feira (16).

Um deles contou ao Blog que apenas dois dos 20 caixas estavam funcionando o que provocou um transtorno enorme a muitas pessoas que tiveram que enfrentar filas grandes para pagar suas compras.

“Isso é uma falta de respeito com os consumidores que são obrigados a esperar um longo tempo para serem atendidos”, relatou um cliente que prefere não se identificar.

Apenas dois caixas estavam funcionando

Maranhão é o 3º Estado que mais moveu ações de improbidade administrativa

Ministério Público Federal

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA) moveu 929 ações junto à Justiça Federal nas esferas criminal, cível e eleitoral no ano de 2016. Esse total é resultado da atividade de 18 procuradores que atuam na sede da Procuradoria da República no Maranhão (PR-MA), em São Luís, e nas Procuradorias da República nos Municípios (PRMs) de Imperatriz, Caxias, Bacabal e Balsas.

Do total de ações propostas, 53,5% são da esfera criminal, 45,85% da cível e 0,65% da eleitoral. A PR-MA ajuizou 569 ações, a PRM/Bacabal, 96, a PRM/Imperatriz, 165, a PRM/Caxias, 60, e a PRM/Balsas, unidade mais recente do MPF-MA, propôs 39 ações. Inaugurada em julho do ano passado, a Procuradoria em Balsas atende 26 municípios da região sul do estado e representou mais um largo passo no processo de interiorização do Ministério Público Federal.

“Nós somos destaque na propositura de ações de improbidade no Brasil em números absolutos, mas em se tratando de números proporcionais à quantidade de procuradores nós ficamos ainda mais à frente”, comemorou o procurador-chefe Juraci Guimarães Júnior. “Esse resultado reflete a dedicação dos, até o ano passado, apenas 18 procuradores. Esse ano, com a criação de dois novos ofícios, um em São Luís e outro em Imperatriz, totalizando 20 procuradores, queremos dar um resposta ainda mais efetiva à sociedade maranhense”, completou.

O MPF-MA foi o terceiro Estado que mais moveu ações de improbidade administrativa no país, atrás somente das unidades de Minas Gerais e da Bahia, primeiro e segundo lugar, respectivamente. A Procuradoria da República no Maranhão no período de 1° de janeiro a 31 de dezembro de 2016, moveu 122 ações de improbidade.

Entre as ações da esfera cível, o Maranhão também foi destaque nacional em relação a outras unidades do MPF no país. No ano passado, com 296 ações civis públicas, o MPF-MA ocupou o 4º lugar no ranking, precedido por Minas Gerais, Bahia e São Paulo.

A Seção de Atendimento ao Cidadão (SAC) recebeu 472 denúncias encaminhadas ao MPF no Maranhão ao longo do ano. O espaço, destinado ao recebimento de notícias de irregularidades e à solicitação de informações, está disponível em aplicativo para sistemas iOS e Android desde de abril de 2016.

Mais simples, didática, interativa, a Seção móvel aproxima a sociedade do Ministério Público Federal. Qualquer cidadão pode fazer denúncias em tempo real, podendo ainda, anexar materiais que comprovem as irregularidades.

Preocupante! Volta a crescer o nº de assaltos a ônibus na Grande São Luís

Policiais do Batalhão Tiradentes realizando abordagens em ônibus na capital

Com base em estatísticas fornecidas pelas empresas que realizam o transporte público em São Luís, o sinal de alerta foi novamente acionado. Nos meses de dezembro de 2016 e janeiro de 2017, os assaltos a ônibus atingiram índices preocupantes.

Em Dezembro do ano passado, foram 69 assaltos a coletivos em toda a Região Metropolitana. Sendo assim, 2016 fechou com 604 ocorrências do tipo. Os 69 registros, estão bem acima do que foi verificado em Agosto, Setembro, Outubro e Novembro, período em que o crime chegou a cair. Mesmo diante de toda essa trajetória, os 604 assaltos do ano passado, estão abaixo dos 662 contabilizados nos doze meses de 2015.

O ano de 2017, também não começou muito bem. Nos 31 dias de Janeiro, foram 77 assaltos em toda a Grande São Luís, número ainda maior que em Dezembro. Pelas estatísticas é possível observar que não existem bairros onde a prática é mais comum. Os crimes foram cometidos nas diversas regiões da capital. Em algumas datas, houveram picos desse tipo ação. Em 21 de Janeiro, por exemplo, foram 07 assaltos, no dia seguinte, foram 06 ocorrências e nos dias 24 e 25 de Janeiro, a soma foi de 10 assaltos em 48 horas.

Com essas estatísticas em mãos, o Presidente do Sindicato dos Rodoviários, Isaías Castelo Branco deverá solicitar uma reunião com as autoridades de Segurança Pública e cobrar ações enérgicas, no que se refere ao combate a essa modalidade de crime. A operação ‘Busca Implacável’, desenvolvida pela Polícia Militar, que consiste em abordagens surpresas dentro dos ônibus, de fato surtiu efeito nos primeiros meses, mas agora, ao que tudo indica, precisa planejar novas estratégias, que possibilitem a redução nos índices.

“Mais uma vez, retornamos a este assunto desagradável e que gera em toda a diretoria do Sindicato, muita preocupação. Só quem é motorista, cobrador, fiscal, além é claro, dos usuários, sabem o pânico que um assalto a ônibus causa. Estamos lidando com vidas e por isso, a necessidade de novas ações que possam impedir os crimes e prender os assaltantes. Não podemos permitir que os assaltos voltem a aterrorizar a população de São Luís. O papel do Sindicato dos Rodoviários é exigir da polícia o combate efetivo dos assaltos e isso temos feito incansavelmente. Infelizmente, a justiça também não colabora e concede constantemente, o beneficio da saída temporária para centenas de presos. Não são todos, não podemos generalizar, mas muitos aproveitam essa ‘liberdade’ para voltar a praticar crimes. Espero que ainda nesta semana, a Secretaria de Segurança Pública, possa nos atender para discutir a questão”, enfatiza Isaias Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

Fonte: Ascom Sind. Rodoviários – MA

Fórum Eleitoral de São Luís estará em novo endereço a partir desta quarta (1º)

Os eleitores de São Luís que precisarem de atendimento da Justiça Eleitoral devem se deslocar até o Lusitana Mall, no retorno da Cohama, no horário entre 13h e 19h, de segunda a sexta. É que a partir desta quarta-feira, 1º de fevereiro, o Fórum Eleitoral de São Luís passa a funcionar provisoriamente neste novo endereço devido à reforma que inicia na sede, localizada na Madre Deus.

Ao escolher o imóvel, o Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão considerou a localização estratégica dele, próxima, inclusive do terminal de integração de ônibus da Cohama e o amplo estacionamento.

No novo local funcionarão 30 guichês de atendimento, além dos cartórios das 9 zonas de São Luís, onde podem ser solicitados serviços de alistamento (1º título), emissão de 2ª via, certidões, entre outros.

Outra opção de local de atendimento presencial é o posto do TRE-MA da unidade do Viva Cidadão da Beira-Mar, que funciona das 8h às 18h, de segunda a sexta.

VÍDEO: câmeras flagram mais um assalto no Cohatrac em São Luís

A ação de meliantes foi rápida e registrada por câmeras de videomonitoramento em uma das avenidas de acesso ao bairro Cohatrac, na entrada do Itapiracó, Região Metropolitana de São Luís.

O assalto ocorreu na tarde da última sexta-feira (27). Um dos bandidos armados desce de um veículo prata, de placa não identificada, e aborda três pessoas que estavam numa calçada. Todos os pertences das vítimas foram roubados.

Os bandidos fugiram rapidamente após praticarem um assalto que não durou 30 segundos em uma das vias mais movimentadas da capital.

Prefeitura nega que São Luís tenha perdido título de Patrimônio Histórico

São Luís, Patrimônio Histórico da Humanidade
São Luís, Patrimônio Histórico da Humanidade

A Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph) informou no fim da tarde desta quinta-feira (26), que é falsa a informação de que a cidade de São Luís teria perdido o título de Patrimônio Histórico da Humanidade.

A notícia inverídica foi espalhada em grupos de WhatsApp envolvendo o nome de um representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), Lucien Muñoz, informando que ele teria enviado ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) um ofício comunicando a perda do título.

Em nota,  a Fundação esclarece que tais decisões seguem um protocolo característico e que nenhuma determinação neste sentido foi comunicada nem à Prefeitura de São Luís nem ao Instituto do Patrimônio e Artístico Nacional (Iphan), órgão responsável pela proteção do patrimônio no Brasil.

A Fumph reforça, por fim, que a capital maranhense mantém o título e que vêm sendo desenvolvidas diversas iniciativas para garantir a preservação do patrimônio, inclusive com reunião realizada esta semana com a presidente do Iphan, Kátia Bogéa, para tratar de obras de melhorias na área tombada.