Enem: alunos terão novamente ônibus gratuito neste domingo em SLZ e Imperatriz

Ônibus circulando em São Luís

Dezenas de milhares de estudantes da Grande São Luís e da Região Metropolitana de Imperatriz terão passagem gratuita nos ônibus neste domingo (12) para fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A medida adotada pelo Governo do Maranhão valeu para o domingo passado e também será adotada neste último dia de exame.

No domingo passado, mais de 70 mil alunos foram beneficiados com a gratuidade. Para ter o benefício, as regras continuam as mesmas: basta estar matriculado na escola e apresentar as carteiras de transporte do Sindicato das Empresas de Transportes (São Luís) ou do departamento de Bilhetagem Eletrônica da empresa Ratrans (Imperatriz).

A gratuidade vale para Região Metropolitana de São Luís (São José de Ribamar, Raposa, Paço do Lumiar e a capital) e de Imperatriz e cidades vizinhas.

Sem cobrança

Ao passar na catraca, basta o estudante utilizar a carteira e não será cobrado valor algum. “O sistema já está atualizado para reconhecer os documentos e não descontar qualquer valor da carteira de estudante, que deve ser a mesma com a qual a pessoa compra a meia passagem”, diz o superintendente do Sindicato das Empresas de Transportes, Luís Claúdio Siqueira.

“É a educação que transforma e que gera oportunidade para os alunos, então o governador Flávio Dino viu essa forma de estimular a juventude, de estimular a participação dos estudantes maranhenses no Enem”, diz o secretário de Governo, Antônio Nunes.

“É uma boa iniciativa não ser descontado, em um dia que muitos estudantes estão tentando uma vaga para o ensino superior”, conta o candidato Renato Amorim, 23 anos, que usou o benefício no domingo passado.

Rodoviários suspendem greve e ônibus circulam normalmente em São Luís

Greve de ônibus e suspensa em São Luís

Rodoviários decidiram suspender a greve de ônibus prevista para esta quinta-feira (9) em São Luis. O nova paralisação em ocorreria caso as empresas de transporte coletivo não efetuassem o pagamento da categoria até o quinto dia útil.

Porém, hoje, o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão informou que desde o fim da tarde desta quarta-feira (8), o Presidente e diretores da entidade seguem fiscalizando as empresas que atuam no sistema de transporte público da capital, na intenção de constatar o não pagamento dos trabalhadores e até o momento nenhuma situação do tipo foi verificado.

O Sindicato também conta com a colaboração dos próprios Rodoviários, para que denunciem possíveis atrasos de salários. Por enquanto, já que nenhuma irregularidade foi identificada, todas as linhas de ônibus permanecem operando normalmente na Grande São Luís. Portanto a greve está suspensa.

Rodoviários podem cruzar os braços e iniciar nova paralisação em São Luís

São Luís pode ficar sem ônibus

Os rodoviários do Maranhão ameaçam nova paralisação em São Luís caso as empresas de transporte coletivo não efetuem o pagamento da categoria até o quinto dia útil.

No último dia 27 de Outubro, os trabalhadores cruzaram os braços na capital por duas horas. A paralisação de advertência foi deflagrada em razão do descaso de algumas empresas que atuam no transporte público, em relação aos pagamentos de salários dos motoristas, cobradores e fiscais, que nos últimos meses sempre são disponibilizados com atraso.

A Convenção Coletiva de Trabalho é clara: O pagamento de salário dos Rodoviários deve ser feito até o quinto dia útil do mês, assim também como liberação de outros benefícios, como é o caso do ticket alimentação. Novamente esta situação, volta a preocupar os trabalhadores, que podem enfrentar mais um atraso.

Neste mês de novembro, o quinto dia útil, será no dia 08. Este é o prazo final, para que o dinheiro caia nas contas dos Rodoviários. O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão está atento a situação e já pensa em adotar medidas, que obriguem os patrões a cumprir o que diz a Convenção, estabelecida entre trabalhadores e empresários.

Na manhã desta segunda-feira (6), Isaías Castelo Branco, Presidente da entidade, revelou que se mais um atraso acontecer, uma nova paralisação do sistema em São Luís, será deflagrada. O que o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão deverá sugerir a categoria, é que na próxima quinta-feira (9), trabalhadores que não tenham recebido o salário, que cruzem os braços neste dia.

O Sindicato ressalta ainda, que no caso das empresas que disponibilizarem o salário e ticket alimentação na data correta, estas poderão circular normalmente pela cidade. Em relação às empresas, que pagarem os motoristas, mas não efetuarem o pagamento dos cobradores, por exemplo, uma prática muito comum atualmente, estas também ficarão sem rodar por São Luís.

No nosso ponto de vista, apelar para uma paralisação do sistema, somente em último caso. Somos totalmente abertos ao dialogo, para que junto aos empresários, possamos adotar medidas que de forma alguma, prejudiquem os trabalhadores, só que nos últimos meses o descaso tem sido freqüente. Os Rodoviários precisam receber os salários na data certa. São pessoas que tem compromissos a honrar e que muitas vezes, passam por transtornos, devido ao não recebimento do salário e do ticket. A categoria, constantemente, reclama desta postura dos patrões. Pois bem, agora iremos agir da mesma forma, sem o mínimo de consideração pelos empresários. Desde já, pedimos desculpas a população de São Luís, caso alguma linha deixe de operar na capital no próximo dia 09, mas estamos lutando por nossos direitos e claro, por mais respeito”, enfatiza Isaías Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

Fim trágico! Menina desaparecida foi morta e enterrada no quintal de casa

O corpo de Alanna foi encontrado no quintal da casa onde morava
O corpo de Alanna foi encontrado no quintal da casa onde morava

Triste o desfecho do caso do desaparecimento da menina Alanna Ludmilla, de 10 anos de idade. O corpo da criança, que sumiu misteriosamente desde a última quarta-feira (1º), foi encontrado na manhã desta sexta-feira (3) depois que um vizinho sentiu um forte odor e percebeu uma possível cova. Ela foi enterrada no quintal da casa onde morava, na rua 37, bairro Maiobão, Região Metropolitana de São Luís, de onde havia desaparecido.

O corpo dela estava coberto com pedras, telhas em meio a materiais de construção e apresentava sinais de violência. Alanna estava com as mãos amaradas e um saco envolto na cabeça.

A menina é filha de um cadete do Corpo de Bombeiros e o principal suspeito pelo crime é o padastro dela Robert Serejo, que já prestou depoimentos à Policia Civil e desde então encontra-se desaparecido.

O corpo de Alanna já foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

O caso causou comoção geral e atraiu uma multidão para o local para acompanhar o trabalho dos peritos.

Corpo da menina sendo removido pelo IML na presença de uma multidão

VÍDEO: Bombeiros debelam incêndio de grandes proporções no Angelim em SLZ

Equipes de combate a incêndio do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão foram acionadas para o debelar o fogo que se alastrou rapidamente em vegetação no bairro Angelim, Região Metropolitana de São Luís, no início da tarde desta terça-feira (31).

Uma grande nuvem de fumaça se formou na localidade por conta do incêndio (veja nas imagens acima).

O fogo já foi controlado pelo CBMMA.

Criminalidade cai 20% em São Luís entre 2015 e 2016, diz estudo nacional

Polícia Militar em ação na região da Cidade Operária

A cidade de São Luís teve queda de 20,5% nos chamados Crimes Violentos Letais Intencionais entre 2015 e 2016. Os dados são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgado nesta segunda-feira (30).

Esses crimes incluem homicídio doloso, lesão corporal seguida de morte e latrocínio (roubo seguido de morte). Houve queda em todos os índices.

De acordo com o estudo feito em todo o Brasil, São Luís teve a quarta maior redução entre todas as capitais do Brasil. Além disso, outras 12 capitais tiveram aumento no índice desses crimes.

São Luís também destoou da média nacional, que teve alta de 3,8% nesses crimes entre 2015 e 2016. De acordo com levantamentos, os homicídios na capital maranhense caíram 15,4%. A lesão corporal seguida de morte diminuiu 63,9%. Os latrocínios tiveram redução de 52,5%.

O Anuário Brasileiro de Segurança Pública é uma publicação do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Desde 2015, o Maranhão vem investindo fortemente em Segurança Pública, atingindo o recorde de 12 mil policiais no Estado. Já foram entregues mais de 830 viaturas, delegacias vêm sendo construídas e reformas e as forças de inteligência têm sido equipadas e valorizadas.

Novo modelo

O secretário de Estado de Segurança Pública, Jefferson Portela, atribui o resultado a um “conjunto de medidas de um novo programa de segurança”, com fortes investimentos em diversas frentes.

Ele cita o exemplo da criação de superintendências especializadas. “A criação da Superintendência de Narcóticos, por exemplo, aumentou em 1.000% a apreensão de drogas antes da distribuição”. O secretário lembra também a Superintendência de Investigação de Homicídios, “com uma ação muito mais forte e mais efetiva”.

Portela ainda ressalta a importância da busca direta por autores de homicídios, o núcleo especializado em furtos e roubos e a entrega de mais de 800 viaturas. Os investimentos na formação do policial também foram essenciais, acrescenta o secretário. Só neste ano, 5 mil policiais terão passado por cursos de formação.

Transparência

O Governo do Maranhão também investiu a partir de 2015 na transparência dos dados. Até então, havia uma subnotificação muito grande. Isso significa que os crimes eram cometidos, mas nem sempre entravam para as estatísticas.

Em 2015 cada uma das regionais de atuação da polícia receberam uma Unidade de Recebimento de Informação, o que tornou os dados muito mais confiáveis e reais.

Agência do Banco do Brasil é autuada por má prestação de serviço em São Luís

Consumidores denunciaram o Banco do Brasil por falha na prestação do serviço

Após fiscalização, o Procon-MA autuou, na sexta-feira (27), uma agência do Banco do Brasil, localizada no bairro São Francisco, em São Luís. A ação se deu após denúncias realizadas por consumidores ao órgão. O banco foi autuado por falha na prestação do serviço, uma vez que todos os caixas eletrônicos estavam fora de operação.

Os bancos são fiscalizados todos os dias em prol da humanização do atendimento bancário no Maranhão e devem investir na melhoria dos serviços, expandindo a estrutura da agência ou, a cada semana, terão que pagar novas multas em razão do desrespeito ao cidadão maranhense”, pontuou o Presidente do Procon-MA, Duarte Júnior.

O órgão realiza fiscalizações diárias na Grande Ilha e em todo o Maranhão, e por meio da denúncia de consumidores e tem identificado diversas irregularidades.

Nesta semana, foram fiscalizadas, também, todas as agências do Centro, Turu, Cidade Operária, Renascença, São José de Ribamar e João Paulo. Neste último, o banco Itaú também foi autuado por falha na prestação de serviço, pois o sistema estava inoperante.

Os bancos têm até 10 dias para apresentar defesa e corrigir as irregularidades. As unidades financeiras estarão sujeitas à instauração de processo administrativo, bem como ao eventual crime de desobediência, nos termos dos Artigos 55 e 56 do Código de Defesa do Consumidor, e do Artigo 330 do Código Penal.

Megaoperação contra pedofilia prende quase 100 pessoas; três no Maranhão

Presos no Maranhão, em São Luís e Rosário

A Polícia Civil do Maranhão através do Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos (DCCT) da Superintendência Estadual de Investigação Criminal (SEIC), Laboratório de Lavagem de Dinheiro (LAB) e em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), deflagrou na manhã desta sexta-feira (20), a operação integrada ‘Luz na Infância’.

Com o objetivo de apurar crimes de exploração sexual contra crianças, estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nos municípios de São Luís e Rosário.

Material apreendido

Na cidade de São Luís foram presos em flagrante delito Oziel Franklin Estrela Gomes e Alessandro Saraiva Soeiro. Na cidade de Rosário foi preso José Carlos Mesquita Oliveira.  Com os presos foram apreendidos farto material de armazenamento de arquivos de pornografia infantil.

Os alvos da operação Luz na Infância foram identificados através de um levantamento de informações pela Senasp e a Embaixada dos Estados Unidos da América no Brasil. Com base em informações e evidências coletadas em ambientes virtuais, a Polícia Civil instaurou inquérito policial e representou pela busca e apreensão junto ao Poder Judiciário, visando apreender computadores e dispositivos informáticos onde estão armazenados os conteúdos de pedofilia, indiciar e prender os criminosos.

As investigações que resultaram na operação Luz na Infância vêm sendo feitas há seis meses pela SEIC e resultam do aprimoramento do trabalho de inteligência de segurança pública e atuação em modelo de força tarefa, que reúne em um mesmo ambiente de trabalho policiais com expertise e capacitação na repressão aos crimes virtuais e de pedofilia. Um cenário ideal para coletar e preservar evidências criminosas, garantindo, como consequência, a identificação e posterior condenação dos criminosos pela Justiça.

A pedofilia é classificada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como uma doença de transtorno da preferência sexual. Pedófilos normalmente são pessoas adultas que tem preferência sexual por crianças pré-púberes ou no início da puberdade. O complexo ambiente da internet e a ausência de fronteiras no mundo virtual são elementos que propiciam terreno fértil à atuação desses criminosos.

A operação envolve mais de mil policiais e está sendo considerada uma das maiores do mundo no combate a esse tipo de crime. A Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública contou a colaboração da Embaixada dos Estados Unidos.

A operação ocorre em 24 Estados da Federação. Até o momento já foram efetuadas 97 prisões no país, a maioria em São Paulo.

Hospital de Ortopedia começa a funcionar nesta terça (10) em São Luís

Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO) completamente equipado

O Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO) começa a funcionar nesta terça-feira (10), em São Luís, e vai ajudar a desafogar a fila de espera por cirurgias. A capacidade inicial será de 400 operações por mês.

Hoje, as cirurgias ortopédicas feitas pela rede estadual em São Luís estão concentradas no Hospital de Câncer do Maranhão, antigo Hospital Geral. São, em média, de 70 a 80 cirurgias feitas no local.

O novo hospital vai funcionar na Rua Barão de Grajaú, no bairro Jardim Eldorado, em São Luís. A unidade terá três centros cirúrgicos.

No Hospital de Traumatologia e Ortopedia, os médicos terão recursos tecnológicos para fazer procedimentos complexos, como alongamento ósseo e o implante de próteses articulares.

Adriano destaca união de forças pela reforma da Rua Grande

Deputado Adriano Sarney

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) destacou, nesta quinta-feira (5), o esforço conjunto ocorrido nos últimos dias entre diversas lideranças empresariais e políticas do Maranhão, incluindo o ex-presidente José Sarney, a presidente nacional do IPHAN, Kátia Bogéa, e o superintendente do IPHAN no Maranhão, Maurício Itapary, para requerer do Governo Federal a liberação de R$ 15 milhões para a reforma da Rua Grande, incluída no projeto de revitalização de diversos logradouros do Centro Histórico de São Luís.

Vimos um grande esforço das entidades empresariais, o IPHAN e as lideranças políticas maranhenses de todas as bandeiras partidárias unidas em prol do descontingenciamento de importantes recursos para a revitalização do Centro Histórico de São Luís”, declarou Adriano.

O parlamentar lembrou ainda que teve recentemente uma reunião com o superintendente do IPHAN, em São Luís, na qual revelou-se que o projeto de revitalização da Rua Grande já está licitado e apenas aguardava-se a liberação desses recursos para dar início às obras.

Durante discurso na Assembleia sobre a revitalização da Rua Grande, um importante símbolo do comércio de São Luís, Adriano destacou ainda o Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa (5 de outubro), homenageando o trabalho das diversas entidades representativas do setor como o Sebrae-MA, a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL), a Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL) e a Associação Comercial do Maranhão (ACM), entre outras.