AFINAL DE CONTAS! Quem são esses poderosos promotores chamados de "CLAUDIOS"?

11039440_1071985456145750_451275587_n
Claudio Cabral e Claudio Guimarães

O Blog abrirá a partir de hoje uma série de reportagem que envolve as ações dos promotores de justiça Claudio Cabral e Claudio Guimarães.

Assim como qualquer servidor público, os nobres promotores, também devem explicações de seus atos à sociedade.

Após a postagem de agressão que um dos “CLAUDIOS”  sofreu por parte de um cidadão que foi prejudicado em sua atividade empresarial por causa de uma das ações do promotor, uma série de reclamações em forma de denúncias começaram a ser enviadas ao Blog falando sobre as ações  praticadas pelos “CLAUDIOS”.

Em uma de suas chamadas BLITZ URBANAS, os nobres promotores fecharam na noite de ontem vários estabelecimentos em nome da “MORAL E BONS COSTUMES”, dentre eles o conhecido e bem frequentado Beach Bar na Litorânea.

Retirada do Pirata na Litorânea, demolição do Bar do Tiozinho no Barra Mar, fechamento do Trapiche Bar, derrubadas de quiosques e bares na Avenida Litorânea, demolição de bares no histórico Oscar Frota, e tantas e tantas ações praticadas pelos “CLAUDIOS”

Será que os “CLAUDIOS” tem mesmo todo esse poder ?

Suas ações de fato trazem algum benefício para a sociedade?

Derrubar e fechar bares na Litorânea contribui com o turismo da cidade?

Qual a opinião do Prefeito?

Qual a opinião do chefe de governo da prefeitura, secretário Lula Filho, que é proprietário de bares na cidade? Será que os “CLAUDIOS” tem coragem de derrubar esses bares?

E o nobre secretário de segurança que fornece um verdadeiro batalhão de policiais militares para apoiarem as ações dos “CLAUDIOS” ?

E você, cidadão maranhense, apoia as ações dos poderosos “CLAUDIOS”?

 

 

 

Serviço ruim: Oi é a empresa mais reclamada no Procon

19-oi-wifi-iconeA Gerência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-MA) divulgou o ranking das dez empresas que mais causaram reclamações de consumidores em 2014. A Oi Fixo e a Oi Móvel foram as empresas que tiveram mais reclamações de consumidores registradas pelo Procon-MA, no ano passado, ocupando o primeiro e segundo lugar, respectivamente.

O ranking é resultado da consolidação das reclamações fundamentadas pelo Procon, cujas informações estão disponibilizadas aos interessados no site http://www.procon.ma.gov.br/. O anúncio ocorreu nesta sexta-feira (13) durante a programação da Semana Estadual de Prevenção e Combate ao Superendividamento, iniciada na terça-feira (10), no São Luís Shopping. O evento foi realizado em comemoração ao Dia Mundial do Consumo, celebrado em 15 de março.

De acordo com o diretor, Duarte Júnior, o ranking do Procon é feito por critério de número de reclamações que foram consideradas procedentes pelo órgão, após análise técnica. “O nosso objetivo é diminuir gradativamente as reclamações. Para isso, nosso foco será em ações preventivas, de orientação e fiscalização, de acordo com a política de governo promovida pelo governador Flávio Dino em levar os serviços de proteção ao consumidor a todas as regiões do estado”, afirmou.

O diretor observa que é importante que o consumidor fique atento às empresas que costumam respeitar seus direitos e denunciar, às autoridades competentes, as empresas que cometem irregularidades e desrespeito aos consumidores. O Procon-MA é um órgão vinculada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop).

Lista das 10 empresas com mais reclamações em 2014

1- Oi Fixo – 669

2- Oi Móvel – 428

3- Caema – 270

4- Cemaz – 198

5- Cemar – 192

6- Samsung – 107

7- Bradescard – 87

8-Electrolux – 73

9- Caixa Econômica Federal – 70

10- Claro Móvel – 67

Homem dono de quiosque na Praia Grande invade promotoria e bate em Cláudio Cabral Marques

Promotor Cláudio Cabral Marques foi agredido por proprietário de quiosque da Praia Grande
Promotor Cláudio Cabral Marques foi agredido por proprietário de quiosque da Praia Grande

Um homem invadiu ontem a sede das Promotoria em busca do promotor Cláudio Cabral Marques. O homem é proprietário de uma das barracas que foram derrubada na Praia Grande. Ele discutiu com o promotor e os dois acabaram indo a vias de fato.

Quem presenciou a cena viu o homem agredindo o promotor com chutes, socos e ponta-pés. Cláudio Cabral Marques até tentou se defender, mas não conseguiu muito. No fim, a polícia foi chamada e o homem acabou sendo preso.

Depois do episódio, Cabral Marques reclamou da falta de segurança da sede das Promotorias e a decisão foi a de implantar por lá o mesmo sistema de segurança já visto no Fórum Desembargador Sarney Costa.

 

Gestores municipais defendem fim da reeleição, mandato de seis anos e voto obrigatório

 

Quando o assunto é Reforma Política, a maioria são gestores municipais são contrários à reeleição. Para eles, o mandato deve ser de seis anos e o voto no Brasil deve continuar a ser obrigatório. A maior parte pede a coincidência de mandatos e a alteração da data de posse dos eleitos.Esses foram resultados de uma pesquisa aplicada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) para saber a opinião dos municipalistas em relação a doze propostas que compõem a Reforma Política.

Em relação ao sistema de votos, o preferido é o distrital. O financiamento de campanha eleito é o público, a candidatura avulsa foi rejeitada juntamente com o recall. Para a maioria, os parlamentares precisam ter um limite de reeleições e o suplente de senador deve ser votado e nominado.

Na opinião dos pesquisados, deve ser convocado um plebiscito junto à população sobre esses temas. Ao todo, 674, entre eles 622 prefeitos e prefeitas, responderam ao questionário.

Opiniões sobre reeleição

Os políticos eleitos para cargos do Executivo podem concorrer à reeleição uma vez consecutiva, de acordo com lei de 1997. Para a Presidência da República, por exemplo, foram reeleitos todos os que passaram pelo cargo desde então: Fernando Henrique Cardoso, Luís Inácio da Silva e Dilma Rousseff.  Para concorrer à reeleição, não é preciso deixar o posto ocupado. Do total de pesquisados pela CNM,60,5% indicaram que a reeleição não deve ser mantida. Os outros 39,5% preferem manter esta possibilidade.

Quando a reeleição envolve os cargos do Legislativo, a situação é indefinida atualmente. Não existe vigente nenhuma restrição para a reeleição de senadores, deputados federais e estaduais e vereadores. A CNM perguntou aos gestores municipais se eles acham que se deve ou não ter um limite de mandatos: 73,3% indicaram que sim, e os outros 26,7% não concordam com essa restrição.

Tempo de mandato e financiamento de campanha

Indagados sobre o tempo ideal de mandato para presidente da República, governadores e prefeitos, 53,3% dos entrevistados apontam seis anos. Outros 37% indicam cinco anos e somente 9,7% querem quatro anos. Na história brasileira, houve mandato de quatro anos durante a República Velha, cinco anos após a Era Vargas; e voltou aos quatro a partir de Fernando Henrique Cardoso.

Processo fundamental na democracia do País, a campanha é um dos temas mais polêmicos quando se discute a Reforma Política. O financiamento dela divide opiniões. Segundo a pesquisa da CNM, 49,2% acham mais justo o financiamento público, feito pelo Fundo Partidário e distribuído de acordo com o tamanho de cada bancada na Câmara dos Deputados. Somente 14,1% preferem o privado, feito por empresas, e 36,6% optam pelas duas formas, como é a regra atual – empresas e pessoas podem fazer doações, com limites estabelecidos.

Sistema de voto

Outro tema polêmico é a maneira como devem ser eleitos os deputados federais, estaduais e os vereadores. A CNM perguntou se o voto deve valorizar os partidos ou os candidatos. Em relação a esta pergunta houve quase um consenso no resultado. O voto distrital é preferência para 42,4% dos entrevistados. O sistema atual de voto proporcional é escolha de 40,7%. O distrital misto tem 8,5% da preferência e outras formas de votação são opção de 4,8%. Apenas 3,5% indicaram a lista fechada como melhor opção.

Votar é obrigação do eleitor brasileiro. Mas, não é assim em democracias de outras nações. Então esta também é uma questão abordada pela Reforma Política. Pela pesquisa da CNM, o voto deve continuar a ser obrigatório para 58,4% dos entrevistados, pois se manifestar nas eleições é um modo a exercer a cidadania e evitar o comodismo. No entanto, 41,6% defendem o facultativo, porque o obrigatório agride a liberdade individual.

Candidatura avulsa e recall

A candidatura sem vinculação a qualquer partido, chamada de candidatura avulsa também fez parte do questionário da CNM. Os resultados foram os seguintes: 70% dos entrevistados rejeitam essa permissão e apenas 30% a aceitam.

Recall, que significa revogar o mandato de um governante por meio de uma consulta, é possível ser feito apenas pelo Congresso Nacional e pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Mas, em debate, está a possibilidade de a população ser consultada sobre a continuidade ou não de um governo. Na pesquisa, o recall não foi aceito por 53,8% dos entrevistados, enquanto 46,2% acreditam que ele deveria ser feito também pela população.

Suplência de senador e coincidência de Mandatos

Para fechar a pesquisa de opinião, a CNM questionou os entrevistados como deve ser feita a suplência de senadores, em caso de licenças longas, renúncia, cassação ou morte. A grande maioria, um total de 85% desejam mudar as regras atuais e 15% preferem mantê-las.

Em relação à coincidência de mandatos, o que pesa nos debates são os argumentos de que é preciso diminuir os custos de uma eleição. Para isso seria preciso haver um pleito a cada quatro anos, e não a cada dois como ocorre atualmente. Neste caso, 83,5% optam pela coincidência de mandato para possibilitar apenas uma eleição em quatro anos. Somente 16,5% indicaram que é melhor manter o sistema atual.

Independente da proposta em debate, 57% concordam que a população deve ser consultada por meio de plebiscito. Outros 43% não concordam com a convocação para se discutir a nova legislação do sistema político brasileiro.

Motorista esquece de puxar freio de mão e carro desce descontrolado na Cohama

Carro desceu sozinho, bateu no ônibus e parou em uma loja na Cohama
Carro desceu sozinho, bateu no ônibus e parou em uma loja na Cohama

Um motorista estacionou o carro próximo a Batuque Brasil em frente ao supermercado Mateus na Cohama e esqueceu de puxar o freio de mão e os carro desceu descontrolado.

Primeiro o carro bateu em um ônibus e depois continuou descendo até bater em uma loja de vender colchões quebrando as portas de vidro. O proprietário chegou minutos depois e ficou desesperado.

Ele tinha ido verificar uma sala que queria alugar próxima a Batuque Brasil.

carro 1

 

Prefeitura de Governador Edison Lobão terá que chamar aprovados em concurso

Prefeito Evando Viana terá que nomear aprovados em concurso segundo decisão juidicial
Prefeito Evando Viana terá que nomear aprovados em concurso segundo decisão juidicial

A pedido do Ministério Público do Maranhão (MP), a Justiça determinou, na última terça-feira, 10, a nomeação, no prazo máximo de 30 dias, dos aprovados no concurso público do Município de Governador Edison Lobão, realizado em 2011.

A Ação Civil Pública do MP questionou a contratação de 99 servidores, sem concurso, durante a vigência do certame.

O MP firmou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), em 2011, com o Município de Governador Edison Lobão para regularizar a situação dos ocupantes de cargos do município. Em seguida, o município realizou o concurso público visando ao preenchimento de vagas no quadro de pessoal.

Foram convocados diversos candidatos desde a homologação do certame, em 18 de março de 2011, com a última nomeação realizada em 15 de janeiro deste ano. O concurso expira no próximo 18 de março.

Para tentar resolver o problema, o Ministério Público firmou novo TAC, em março de 2013, em que o município se comprometeu a encerrar os contratos com os trabalhadores temporários até 20 de outubro do mesmo ano. Mesmo assim, ainda foram mantidos 99 servidores nomeados sem concurso público.

“Algumas contratações irregulares persistem há anos. Na última audiência judicial, o Município alegou que as pessoas convocadas não tomaram posse. Porém, não há comprovação documental dos editais de convocação”, afirma a promotora Nahyma Ribeiro Abas.

Pela decisão, o município de Governador Edison Lobão tem 30 dias para nomear e empossar os aprovados, substituindo os contratados sem concurso pelos concursados excedentes, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.

Técnica de enfermagem teria se matado em banheiro da UTI do Hospital UDI

Na frente da UDI movimento parece normal; na UTI a área foi isolada para ação dos peritos
Na frente da UDI movimento parece normal; na UTI a área foi isolada para ação dos peritos

As primeiras informações dão conta de que uma técnica de enfermagem teria cometido suicídio no início da manhã no Hospital UDI, no Jaracati.

Ela teria aplicado em si mesma uma substância chamada fertanil dorminid, medicamento usado para tratamento da dor. A técnica de enfermagem teria se aplicado o remédio dentro do banheiro da UTI do hospital.

Ela foi encontrada por colegas de trabalho desacordada e ao lado dela uma seringa com um resto de líquido. No hospital – que trabalha para manter a discrição – já estão viaturas da polícia.a direção do hospital espera a vinda de técnicos do Instituto Médico Legal (IML).

Te segura Hildo Rocha: TRE vai pra cima de ti!

 

Hildo Rocha será uma das testemunhas
Hildo Rocha será uma das testemunhas

Os membros do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão e o procurador regional eleitoral, em sessão realizada ontem, assinaram ofício que será enviado hoje ao superintendente da Polícia Federal, requisitando abertura de inquérito para investigar denúncia feita pelo deputado federal Hildo Rocha na tribuna da Câmara dos Deputados, repercutida em vários veículos de comunicação.

Segundo Rocha, Edilomar Nery de Miranda foi procurado por emissário do TRE-MA exigindo dinheiro para influenciar no resultado de julgamento de processo que pedia sua cassação como prefeito de Ribamar Fiquene, que estava tramitando no órgão.

No Ofício, a Corte e o MPE destacam que o parlamentar expôs ter conhecimento sobre as circunstâncias do fato relatado que, em tese, configura conduta definida como crime.

Por este motivo, como não é individualizada a pessoa a quem se referiu o deputado federal, são indicados para oitiva, na qualidade de testemunhas, o próprio Hildo Rocha e o prefeito de Ribamar Fiquene, porque, até o presente momento, são os únicos conhecedores tanto da identidade do agente da conduta como dos detalhes e do contexto em que se deu a abordagem.

“Nesse contexto, com fundamento no artigo 5º, II do Código de Processo Penal, os desembargadores eleitorais integrantes do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão e o procurador regional eleitoral, subscritores deste expediente, requisitam a instauração de inquérito policial para apuração dos fatos”.

Respeitando ao que prevê o artigo 221 do Código de Processo Penal, tanto Hildo Rocha como Edilomar, por terem prerrogativas quanto aos cargos que ocupam, deverão ser inquiridos em datas, locais e horários previamente ajustados entre eles e a PF.

Vereadores participam de Seminário sobre boas práticas de gestão promovido pelo TCE

ftOs vereadores da Câmara Municipal de São Luís participaram, na manhã desta quinta-feira, 12, do Seminário sobre Boas Práticas de Gestão, promovido pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) e a Escola Superior de Controle Externo (ESCEX), realizado no auditório Interventor Federal Saturnino Belo, no TCE.

Além do Legislativo Ludovicense, também foram convidadas para o evento, neste primeiro momento, as demais câmara municipais da região metropolitana da Ilha.

“Esse evento do Tribunal de Contas do Estado tem uma importância muito grande para a Câmara de Vereadores de São Luís, por proporcionar esclarecimentos sobre todas as prestações requeridas para o cumprimento das metas da Lei de Responsabilidade Fiscal, pelos parlamentos municipais. Cremos que, há muito tempo, essas orientações não são transmitidas para nós, vereadores de São Luís. E nós tomamos a iniciativa de solicitá-las e o TCE está nos auxiliando quanto a isso”, disse Astro de Ogum, presidente da câmara.

O seminário contou com a participação dos palestrantes Jairo Cavalcante Vieira, procurador do TCE-MA, que explanou sobre o tema “Verba Indenizatória e de Representação”, e Clécio Jads Pereira de Santana, auditor de Controle Externo do TCE-MA, que explicou sobre os demais assuntos do encontro.

 

    

INCRÍVEL: Cobra cascavel é encontrada no banheiro de um Motel no Turu

bd76fce774a2698c6925484d579a0810Parece história de WhatsApp, mas não foi. Um leitor nosso, que trabalha em um órgão público  enviou essa foto que ele próprio fotografou no banheiro do apartamento de número 14 do motel, localizado no Turu.

Ele que, inclusive estaria “chifrando” seu companheiro nessa hora, nos contou que ao chegar no apartamento, foi direto ao banheiro fazer o número 1, quando ouviu um barulho que tinha um som de “chocalho” que não parava de tocar.

Foi então, que ele ligou a luz auxiliar do banheiro e para seu espanto avistou essa enorme cascavel  que estava debaixo da pia.

Sem olhar para trás, nosso caro leitor soltou aquele sonoro grito desesperador de socorro que chamou a atenção de todo o motel.

A correria foi grande nas dependências do estabelecimento que imediatamente chamou a atenção de todo seu quadro de funcionários para tentar retirar a peçonhenta do local.

O titular do Blog ligou para o motel, mas não conseguiu falar com a gerência. Nós perguntamos sobre o ocorrido e a telefonista nos disse que, apesar de está chegando naquele momento no serviço ouviu esses comentários por parte dos colegas de trabalho.  Essa é a verdadeira situação daquele ditado que diz: “quem procura, acha”.

E nesse caso, nosso ilustre leitor foi ao motel a procura de “cobra” e acabou encontrando a própria…

SIMPLES ASSIM