Morre ex-ministro Adib Jatene em SP

Com mais de 20 mil cirurgias no currículo, se destacou também por ter sido o primeiro a realizar a cirurgia de ponte de safena no Brasil
Com mais de 20 mil cirurgias no currículo, se destacou também por ter sido o primeiro a realizar a cirurgia de ponte de safena no Brasil

DO G1

Morreu na noite desta sexta-feira (14), aos 85 anos, o médico e ex-ministro da Saúde, Adib Jatene. Segundo o Hospital do Coração, em São Paulo, a causa da morte foi infarto agudo do miocárdio.

Em 22 de setembro deste ano ele havia sido internado também após sofrer um infarto. Em maio de 2012, o médico já havia sido internado com dores no peito e passado por um cateterismo. No procedimento, ele precisou colocar um stent (prótese metálica para a desobstrução de artérias).

Jatene era diretor-geral do HCor e um dos pioneiros da cirurgia do coração no Brasil. Ele deixa quatro filhos – os também médicos Ieda, Marcelo e Fábio, além da arquiteta Iara – e a esposa Aurice Biscegli Jatene. De acordo com a assessoria do HCor, o velório de Jatene será realizado no anfiteatro do HCor neste sábado (15).

Médico e ministro

Acreano de Xarupi, Jatene era filho de um seringueiro libanês e de uma dona de armarinho. Quando criança, a família se mudou para Uberaba, em Minas Gerais, e, depois, para São Paulo. Na capital paulista, estudou na Universidade de São Paulo (USP), formando-se aos 23 anos pela Faculdade de Medicina. A residência e pós-graduação foram feitas no Hospital das Clínicas da mesma faculdade, sob a orientação do professor Euríclides de Jesus Zerbini (1912-1993), pioneiro dos transplantes de coração no país.

Com mais de 20 mil cirurgias no currículo, se destacou também por ter sido o primeiro a realizar a cirurgia de ponte de safena no Brasil e por ter inventado aparelhos e equipamentos médicos. Em Uberaba (MG), lecionou Anatomia Topográfica da Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro. Neste período, construiu seu primeiro modelo de coração-pulmão artificial. Em São Paulo, trabalhou no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP e como cirurgião no Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia da Secretaria de Estado da Saúde.

Na política, apesar de não ter se filiado a partidos, atuou como secretário estadual da Saúde de São Paulo (1979-1982), no governo de Paulo Maluf, e duas vezes como ministro, na mesma área, nas gestões Fernando Collor (1997-1998, por oito meses) e Fernando Henrique Cardoso (1995-1996, por 22 meses). No governo de FHC, criou a Contribuição Provisória Sobre Movimentação Financeira (CPMF), para ajudar a financiar a saúde brasileira, e deu continuidade ao projeto dos medicamentos genéricos e ao programa de combate à Aids. Foi membro da Academia Nacional de Medicina e autor e co-autor de cerca de 700 trabalhos científicos publicados na literatura nacional e internacional.

Prefeito Edivaldo entrega centro e abrigo para pessoas em situação de rua

O prefeito Edivaldo entregou na manhã desta sexta-feira (14) o Abrigo Institucional para Pessoa em Situação de Rua e a nova sede do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop). As duas unidades estão localizadas na Avenida Beira-Mar e serão coordenadas pela da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas).

“Estamos inaugurando o Centro Pop e um abrigo para pessoas em situação de rua, que irão atender cerca de 40 pessoas por dia. Esse é mais um passo positivo na gestão e mais um avanço para a cidade na área da assistência social.

Nosso desafio tem sido alcançarmos com políticas públicas efetivas os mais diversos segmentos sociais, fortalecendo a dignidade e os vínculos em nossos equipamentos sociais”, declarou o prefeito Edivaldo durante a inauguração. Ele frisou que o Centro Pop oferecerá moradia provisória às pessoas em situação de rua que recebem atendimento psicossocial nas unidades de referência em assistência social do Município.

A titular da Semcas, Andréia Lauande, destacou o cuidado da administração do prefeito Edivaldo com setores da sociedade em situação de vulnerabilidade. Ela destacou que os espaços inaugurados nesta sexta-feira garantem atendimento adequado num local confortável e seguro, promovendo dignidade às pessoas que tem a rua como espaço de vivência e sobrevivência.

“O Centro Pop é a porta de entrada para população em situação de rua, o primeiro espaço para atendimento a diferentes políticas públicas. E para fechar o serviço de retaguarda, o acolhimento é impar, consegue ofertar e possibilitar que o usuário não só passe o dia no Centro Pop, mas tenha um lugar para dormir”, relatou a secretária Andréia Lauande.

O compromisso e responsabilidade com a execução das medidas socioassistenciais em São Luís foram destacados pela representante do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), Telma Maranhão, que esteve presente na solenidade de inauguração. “Esse espaço terá condições, junto com as demais políticas públicas, de dar uma resposta fundamental ao direito das pessoas de terem uma moradia provisória até reconstruir seu projeto de vida”, afirmou a representante do MDS.

Com apenas uma canetada juíza deixa de fora em 2018 Teresa e Ricardo Murad

secretario-de-saude-ricardo-murad-e-a-governadora-roseana-sarney-74501O Secretário de Saúde do Estado, Ricardo Murad, está buscando de todas as formas reverter a decisão da juíza da comarca de Coroatá que além de cassar sua esposa prefeita, deixou de quebra o famoso trator com seus direitos políticos passiveis de suspensão  por oito anos.

A correria entre os melhores advogados da área eleitoral foi grande na tarde desta sexta- feira nos escritórios para as bandas do Renascença. Corre a favor de Ricardo e Tereza Murad o fato de que o presidente da Câmara e agora prefeito da cidade, Cesar Trovão, ser irmão da prefeita.

Até o final do expediente não foi dada entrada em nenhum pedido de liminar por parte dos advogados da ex-prefeita Tereza Murad. A partir de agora caso seja dado entrada neste pedido, o processo cairá nas mãos do Des. Eduardo Moreira.

A expectativa é grande na cidade de Coroatá que passou a tarde e entrou pela noite comemorando a decisão da juíza Josane Braga. Ricardo agora deverá se preocupar com a possibilidade de poder ficar inelegível de vez, e dessa forma esquecer de poder ser governador do Maranhão. E podem apostar que já existe presidente de alto poder, trabalhando por essa hipótese.

Presidente da Câmara de Coroatá deve assumir prefeitura e decretar nova eleição em até 40 dias

0312
Presidente da camara e irmão da Prefeita- Ver. Cesar Trovão

Há pouco menos de 24 horas da divulgação da decisão da juíza da 8 ª zona eleitoral, Josane Farias Braga, a população coroataense simpática à esquerda já comemora com fogos e programa passeata para as ruas da cidade para este final de semana para, além de comemorar a decisão, exigir o seu cumprimento imediato.

Conforme a decisão, a qualquer momento a juíza poderá expedir intimação ao presidente do Poder Legislativo, César Trovão (PV), que é irmão da prefeita cassada, para que este compareça para tomar posse provisoriamente até a realização de um novo pleito nos próximos quarenta dias.

Além de Ricardo Murad, nenhum dos outros personagens envolvidos na ação se pronunciaram sobre a decisão, como dissemos ontem, 13, a prefeita segue na capital de São Paulo onde, acredita-se, que esteja tratando-se da vesícula.

Já o candidato a prefeito pela Coligação “Coroatá Crescendo com Liberdade” que promoveu a ação Domingos Alberto (PT), assim que amanheceu o dia nesta sexta-feira, 14, viajou para a capital São Luís acompanhado de comitiva para reunir-se com seus advogados de onde retornará para Coroatá e aguardará o cumprimento da decisão proferida.

Fonte: Coroatá de Verdade

Investigador da Policia Civil e bandidos são mortos durante tentativa de assalto

O investigador, também, conseguiu atirar nos assaltantes. Um morreu no local.
O investigador, também, conseguiu atirar nos assaltantes. Um morreu no local.

Um policial civil foi assassinado com um tiro no peito, na manhã sexta-feira (14), durante uma troca de tiros com dois bandidos, na Rua Cristiano de Oliveira, no bairro Vila Janaína, em São Luís.  O policial foi levado para o Hospital Municipal Clementino Moura, o Socorrão II, mas não resistiu e morreu.

Segundo a polícia, o tiroteio teria começado quando a dupla de assaltantes tentaram assaltar uma lan house de propriedade do investigador da Polícia Civil, Desidério Rodrigues, de 41 anos. O policial teria reagido ao assalto e foi baleado no peito pelos bandidos.

Na troca de tiros, ainda, um dos bandidos também foi baleado pelo policial e morreu no local do crime. O outro assaltante, mesmo ferido, conseguiu fugir mais foi morto no inicio da tarde, durante um tiroteio na Rua Cosme e Damião, na Cidade Olimpíca.

Em entrevista à Rádio Mirante AM, o presidente do Sindicato dos Policiais do Maranhão, Heleudo Moreira, cobra medidas energicas para evitar que crimes como este aconteçam, novamente, na capital. “É lamentável que este tipo de crime tenha acontecido com nosso amigo Desidério. Precisamos exigir que fatos dessa natureza não venham mais a acontecer, que medidas mais energicas possam ser tomadas para inibir esses criminosos, que parecem que não têm medo de ninguém”, lamenta.

Em nota encaminhada à imprensa, o secretário de Segurança Pública do Maranhão, Marcos Affonso Júnior, lamentou a morte do policial. Leia a íntegra da nota:

Em nome de todo o corpo do Sistema de Segurança do Maranhão, o secretário Marcos Affonso Júnior, lamenta a morte do policial civil Dezidério Rodrigues Mendonça, ocorrida na manhã desta sexta feira (14).

“Estamos muito tristes com a perda do colega, que mostrou empenho e excelência em sua carreira policial. Solidarizo-me com os familiares e deixo aqui o meu profundo pesar”, declarou o secretário.

O policial civil Dezidério Rodrigues Mendonça tinha 41 anos de idade e estava lotado no Plantão Central da Delegacia Especial da Cidade Operária.

Polícia Federal desmonta quadrilha acusada de fraudar o Enem

A Polícia Federal deflagrou hoje (14) a Operação Apollo, que investiga uma quadrilha acusada de fraudar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além de diversos vestibulares e o ingresso em universidades públicas pelo sistema de cotas. Ao todo, foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e nove mandados de busca e apreensão no Ceará, na Paraíba e no Piauí.

Segundo a corporação, a investigação começou há 13 meses e, além das prisões ocorridas hoje, foram presos em flagrante dois candidatos do Enem 2014, no sábado (06), na cidade de Juazeiro do Norte (CE). “As investigações seguem agora para identificar todos os possíveis beneficiários do esquema criminoso, responsável por fraudes ao Enem 2013 e 2014”, informou a PF.

De acordo com a PF, o esquema tinha como centro de atuação a região do Cariri, no sul do estado do Ceará, mas as ações da quadrilha se estendiam também pela Paraíba. Os fraudadores direcionavam a atuação a candidatos interessados em ingressar no curso de medicina de universidades públicas.

A corporação destacou que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pelas provas do Enem, tem colaborado com as investigações desde o ano passado, “fornecendo as informações necessárias à identificação dos investigados e à elucidação da fraude”.

Os presos foram indiciados pela prática dos crimes de fraudes em certames públicos e organização criminosa.

Flávio Dino anuncia Antônio Nunes como próximo diretor geral do Detran

Antonio Nunes
Antonio Nunes

Na manhã desta sexta-feira (14) o governador eleito Flávio Dino anunciou o nome do advogado Antônio Nunes para a direção geral do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA). Este é o 25° nome indicado para a composição de equipe da próxima administração.

Com o objetivo de implementar os compromissos assumidos pelo Programa de Governo de Flávio Dino, que está disponível para consulta na internet, Antônio Nunes assumirá o novo cargo a partir de 1° de janeiro. Entre as principais metas estão a melhoria da gestão e do atendimento aos cidadãos, a implementação de políticas de segurança no trânsito e o trabalho de prevenção de acidentes, com atenção especial aos motociclistas.

Conheça o perfil do novo indicado:

ANTÔNIO NUNES – Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA)
Antônio Nunes é graduado em Direito pela UFMA. Possui mestrado em Direito Público pela Universidade Federal de Pernambuco. É professor da UFMA e da Universidade Ceuma, presidente da Comissão de Comunicação e Eventos da OAB-MA e vice-presidente da Comissão Nacional do Exame da OAB. Foi coordenador geral da Fiscalização da coligação “Todos pelo Maranhão”, que elegeu Flávio Dino Governador do Estado.

PF cumpre mandados de prisão da Operação Lava Jato

 

Doleiro Youselff
Doleiro Youselff

A Polícia Federal cumpre nesta sexta-feira (14) mandados de prisão e de busca e apreensão durante Operação Lava Jato. As buscas são concentradas em 11 grandes empreiteiras. 

Os grupos investigados registraram, segundo dados do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), operações financeiras atípicas num montante que supera R$ 10 bilhões. Durante a investigação, o doleiro Alberto Youssef -–que está preso e colabora com a Justiça por meio de delação premiada-– apontou que o esquema envolvia desvio de dinheiro Petrobras. 

A Justiça decretou o bloqueio de R$ 720 milhões que pertencem a 36 investigados. Foi autorizado também o bloqueio integral de valores pertencentes a três empresas suspeitas de participar do esquema.

Justiça cassa mandato de Teresa Murad e condena Ricardo Murad por abuso de poder econômico

Prefeita de Coroatá e vice, e o marido Ricardo Murad tiveram direitos politicos suspensos por oito anos
Prefeita de Coroatá e vice, e o marido Ricardo Murad tiveram direitos politicos suspensos por oito anos

A juíza eleitoral da 8ª Zona, Josane Farias Braga, decidiu, na tarde desta quinta-feira (13), pela cassação dos diplomas, e conseqüentemente dos mandatos, da prefeita de Coroatá, Teresa Murad e sua vice Neuza Muniz (ambas do PMDB). As duas também foram consideradas inelegíveis pelo período de oito anos para ambas, decisão que também atinge o secretário de estado de Saúde Ricardo Murad, que é marido da prefeita Teresa Murad, por abuso de poder econômico.

A decisão da juíza foi baseada numa Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), a partir de representação feita pela Coligação “Coroatá crescendo com liberdade” composta pelos partidos PT, PTC, PSB, PSDB, PCdoB, e PTdoB. A coligação do candidato derrotado em 2012, acusa a Coligação “Coroatá livre para crescer”, que tinha como candidata a prefeita cassada, de firmar convênio com a Secretaria de Estado da Saúde para a perfuração de poços artesianos no município, e de realizar a obra em período vedado pela lei eleitoral.

“A aprovação do convênio, bem como a realização da obra e sua entrega, foram feitas em prazo vedado pela lei. A própria inauguração dos poços foi feita em clima de campanha eleitoral”, disse o advogado da coligação ‘Coroatá crescendo com liberdade’, David Telles.

Como apenas dois candidatos disputaram as eleições de 2012 e os votos da candidata mais votada foram anulados, a juíza determinou ainda, o imediato afastamento da prefeita e sua vice. Ainda de acordo com a decisão judicial, novas eleições devem ser realizadas no prazo máximo de 40 dias. Nesse período, o presidente da Câmara Municipal, César Trovão (PV), assumirá o cargo de chefe do executivo municipal.

A decisão da juíza ainda cabe recurso