Calote de Edinho sobra pra Arnaldo Melo

edinhoarnaldoSobrou até para o presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo (PMDB), as cobranças pelos calotes do candidato a governador do Maranhão, Edinho Lobão. Arnaldo, que era vice de Edinho, sofreu a cobrança das dívidas de campanha.

Nesta quinta-feira (23), um radialista de Imperatriz, fez a cobrança para o peemdebista no plenário da Assembleia Legislativa para todo mundo ver. “E aí presidente, o senhor que era vice do Lobão Filho, quando é que vocês vão pagar a gente?”

Arnaldo tomou um susto com cobrança. O presidente disse que não tinha nada a ver com isso. Vários profissionais que trabalharam na campanha de Edinho não receberam pagamento.

Edivaldo Jr. em sintonia com o partido de Flávio Dino

Edivaldo Jr. é nova força de peso na campanha de Dilma

Edivaldo Jr. é nova força de peso na campanha de Dilma

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior entrou em campo na campanha pela reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT). O prefeito está alinhado ao partido do governo eleito, o PCdoB, que tem se destacado na condução da campanha no Maranhão.

Edivaldo esteve reunido na noite desta quinta-feira (16) com a ministro das relações institucionais, Ricardo Berzoini, com o intermédio do presidente do PCdoB e braço direito de Flávio Dino, Márcio Jerry. Ele, aliás, tem sido um dos principais articuladores da campanha neste segundo turno.

O prefeito segue alinhado com o grupo mais próximo a Flávio Dino e à presidente com quem tem conseguido alguma ajuda para sua administração, já que o governo do estado, boicotou a prefeitura ao longo destes quase dois anos.

“65 é 13”

Márcio Jerry recepciona lideranças nacionais pró-Dilma

Márcio Jerry recepciona lideranças nacionais pró-Dilma

Com a presença do senador Inácio Arruda (PCdoB) e ministro Ricardo Berzoini (PT), lideranças políticas do Estado traçaram estratégias para intensificar a campanha de Dilma Rousseff no Maranhão. O presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry, recepcionou as lideranças nacionais.

“O nosso trabalho todo é de buscar unificar o máximo de forças que estavam em disputa no primeiro turno e de colocar essa base política no palanque do PT no Maranhão. Queremos deixar muito claro que o nosso esforço é para dizer que o 65 é 13”, afirmou Inácio Arruda.

Cada vez a campanha de Dilma no Maranhão fica centrada no comando de PCdoB, PDT, PP e PT.

Castelo passa susto e não participa das atividades de campanha de Aécio

Castelo ainda participou de evento em Imperatriz na sexta-feira

Castelo ainda participou de evento em Imperatriz na sexta-feira

O deputado federal eleito, João Castelo (PSDB) ficou com a atenção redobrada para a saúde neste final de semana e não participou das atividades de campanha de Aécio Neves em São Luís. Aliados de Aécio promoveram uma caminhada da Avenida Litorânea neste domingo (12).

No sábado, o ex-governador, que é diabético, teve que ir tomar soro em um hospital de São Luís em virtude da alteração de suas taxas de glicose. No domingo, ele teve que ir novamente ao hospital tomar outras medicações para controlar melhor as taxas. Castelo não chegou a ficar internado.

Mas os médicos recomendaram repouso e atenção estes dias. Assim, Castelo ficou de fora das atividades pró-Aécio.

Na sexta-feira (10), Castelo participou do  evento de abertura da campanha de Aécio no segundo turno, em Imperatriz.

Aliados de Dilma e Aécio no Maranhão se articulam

Articulação do comitê pró-Dilma no Maranhão

Articulação do comitê pró-Dilma no Maranhão

Os palanques da eleição estadual estão totalmente desmontados. Sarneystas e Dinistas se misturaram para defender seus candidatos a presidente da República. Tanto Dilma Rousseff quanto Aécio Neves contam com apoios dos dois grupos políticos no Maranhão. Agora a articulação está por conta desses grupos.

Nos aliados de Dilma se encontram legendas oposicionistas como PCdoB, PDT e PP. Mas também possuem o apoio de PMDB, que não tem demonstrado muito interesse no segundo turno. Apenas o candidato a senador Gastão Vieira se mostrou mais interessado. Já o PT, sempre dividido no Maranhão, uniu Resistência e sarnopetistas em prol da reeleição de Dilma. Entre as deliberações da campanha pró-Dilma, ficou definida para a próxima segunda-feira (13), 19h, no comitê da Beira Mar, a realização da plenária da campanha em São Luís com a participação de movimentos sociais e militantes.

Comitê de Aécio no Maranhão também prepara ofensiva

Comitê de Aécio no Maranhão também prepara ofensiva

Na terça-feira (14), a agenda continua e deputados federais e estaduais com mandato e eleitos no último domingo, farão ato político anunciando a “Caravana Dilma 13 pelo Maranhão”, em que será disponibilizada a agenda de campanha para todas as regiões do estado. Já na capital, estão previstas atividades que incluem panfletagem na Praça Deodoro na próxima terça-feira (14); caminhada na Rua Grande na sexta (17) e carreata dia 23, quinta-feira.

O grupo que apoio Aécio Neves tem maioria oposicionista. Encabeçado pelo PSDB, o comitê de campanha conta com PSB, SD e PPS. Mas também conta com o aliado tradicional do grupo Sarney DEM e até filiados do PMDB, como Helio Soares.

 

Os aliados do candidato tucano já promoveram primeiro ato de campanha em Imperatriz. Mas o lançamento oficial da campanha de Aécio Neves, no Maranhão, acontecerá na próxima quarta-feira (15), às 15h, no Rio Poty Hotel, na Ponta d’Areia.

Trio elétrico de Gastão é apreendido e candidato é obrigado a encerrar carreata

Gastão barrado por juiz

Gastão barrado por juiz

O candidato a senador Gastão Vieira (PMDB) passou o maior constrangimento em São Raimundo das Mangabeiras. O candidato estava fazendo uma carreata junto com o candidato a vice-governador Arnaldo Melo. Quando passavam em frente ao Fórum da cidade com o barulho da carreata, foram obrigados a encerrar ali mesmo a carreata.

O juiz da comarca, José Augusto Costa Leite, deu ordem para que o som fosse desligado e a apreensão imediata do trio elétrico que estava importunando a realização de audiências.

Gastão teve descer e seguiu no carro para outra cidade.

Carro de som apreendido

Carro de som apreendido

Roberto Rocha encerra horário eleitoral com reforço do desejo de mudança

robertorochaflavioO último dia do programa eleitoral, no rádio e na TV, do candidato ao
Senado pela coligação “Todos pelo Maranhão”, Roberto Rocha, foi cercado de emoções e experiências. Ao longo de 90 dias percorrendo o Maranhão, Rocha, junto com o candidato ao governo do estado, Flávio Dino, visitou quase 200 municípios, ouvindo os anseios e desejos da população do
estado.

Roberto Rocha destacou que seus programas eleitorais levaram ao ar as
propostas para um Maranhão melhor, os desejos da população e o sentimento de mudança que tomou conta do estado. “Termino minha campanha como comecei, de maneira limpa e respeitosa, sem agredir ninguém, com alegria e esperança no coração”, ressaltou.

Para Roberto, os milhares de abraços recebidos, de palavras de otimismo
e a esperança nos olhos do povo, ao longo de toda a campanha eleitoral,
tinham o mesmo significado e ecoavam o mesmo refrão: “nós queremos
mudança”.

E para fechar o último programa eleitoral, Roberto reforçou que, juntamente com Flávio, defenderá as famílias maranhenses. “Para governador, nosso companheiro Flávio Dino representa o desejo de passar a limpo a política do nosso estado, com novas ideias, novas práticas, novos compromissos com o povo. E para ajudar o Flávio em Brasília, representando o Maranhão no Senado, defendendo todas as famílias
maranhenses, peço seu voto”.

Servidores da Seplan são pressionados para trabalhar como fiscais de Edinho

A exploração de funcionários comissionados e terceirizados na política é comum ao grupo Sarney. Mas na secretaria estadual de Planejamento e Orçamento, comandada pelo secretário João Bernardo Bringel, até os servidores concursados, que nada devem ao governo, estão sendo pressionados para serem explorados como fiscais da campanha de Edinho no dia da eleição.

A servidora pública Florise Reis denunciou em sua página na rede social o assédio moral promovido por dirigentes da Seplan. Veja:

servidora

 

O blog apurou que partiu do secretário Bringel a ordem de enquadrar todos os servidores, sem sequer ter o cuidado de verificar quem é efetivo. Os servidores reclamam que Bringel sempre foi indiferente aos funcionários. Mas como teria feito acordo com Edinho para permanecer na secretaria, começou a articular de qualquer maneira o uso da estrutura para angariar mais votos para o candidato da oligarquia.

Othelino Neto recebe apoio de liderança política de Rosário

Othelino Neto (PCdoB) conta com o apoio do enfermeiro  Williame Anceles (PSB), segundo colocado na  eleição para prefeito de Rosário com 6.302 votos

Othelino Neto (PCdoB) conta com o apoio do enfermeiro Williame Anceles (PSB), segundo colocado na eleição para prefeito de Rosário com 6.302 votos

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) recebeu o importante apoio do enfermeiro Williame Anceles (PSB), segundo colocado na eleição para prefeito de Rosário com 6.302 votos. Liderança forte, ele se soma ao projeto após a desistência de Hélio Soares (PMDB) que não mais disputará vaga para a Assembleia Legislativa.

 

Williame, no momento, coordena, em Rosário, as campanhas dos candidatos da coligação “Todos pelo Maranhão”, Flávio Dino (PCdoB) e Roberto Rocha (PSB), e apoia também a candidatura da deputada Eliziane Gama (PPS). Passa agora a somar também com Othelino. Ele é um ativista político respeitado no município e figura como um dos favoritos para 2016.

 

“Recebo com bastante alegria e entusiasmo o apoio do Williame Anceles, liderança importante de Rosário que já apoia Flávio Dino e Roberto Rocha. É, cada vez mais forte, o desejo de mudança e de dias melhores no Maranhão”, disse Othelino Neto.

 

Campanha em São Luís

 

Na reta final, Othelino intensifica a campanha em São Luís e em diversos municípios do Maranhão. O candidato tem participado de mobilizações importantes, como no último final de semana, em Monção, onde uma multidão se formou em passeata e ouviu suas propostas.

 

Em São Luís, bandeiraços e caminhadas dão o ritmo da campanha de Othelino Neto. Na última terça-feira (30), uma grande mobilização aconteceu no bairro do Vinhais. Outras atividades acontecem, de forma concentrada, também na Zona Rural.

Prefeito Edivaldo tira dois minutos do último programa de Edinho Lobão

 

Edinho punido por "ressuscitar" factoide da "Milícia 36"

Edinho punido por “ressuscitar” factoide da “Milícia 36”

A Justiça Eleitoral concedeu ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, o direito de resposta no programa do candidato ao governo do Maranhão, Edinho Lobão. O candidato foi punido por ter utilizado o factoide das eleições de 2012 conhecido como “Milícia 36”.

O desembargador Raimundo José Barros Sousa decidiu que Edivaldo teria direito a duas respostas de 1 minuto. Uma para o programa da tarde e outra para o da noite. Como a TV geradora não rodou o primeiro à tarde, foram exibidos os dois à noite. O que fez Edinho perder dois minutos no último programa.

Segundo o magistrado, a corte eleitoral do Maranhão já havia julgado o caso “Milícia 36” como “uma grosseira farsa (factoide político)”. O caso foi armado pelo então candidato a prefeito João Castelo, e para o juiz eleitoral, é devido o direito de resposta por imagem ou afirmação sabidamente inverídica.

Confira a decisão:

decisao1decisao2decisao3decisao4

Presidente nacional do PCdoB diz que campanha de Edinho chegou a um nível de estupidez

Renato Rabelo

Renato Rabelo

O presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, esteve no Maranhão para acompanhar o último debate entre os candidatos ao governo do estado e os preparativos da campanha de Flávio Dino (PCdoB) para as eleições nesta reta final. Renato Rabelo conversou com jornalistas na manhã desta quarta-feira (1º) sobre a possibilidade de eleição do primeiro governador comunista da história do Brasil.

Para Rabelo, seria simbólica para o partido a eleição de Flávio Dino, embora, ressalte a pluralidade da coligação dinista. “A repercussão de uma possível vitória de Flávio é nacional e internacional. Em mais de 90 anos do partido, seria o primeiro governador comunista do Brasil e em um estado muito importante. Mas o Flávio e o PCdoB tiveram a consciência de que era necessária uma ampla aliança. Não se enfrenta uma oligarquia dessas com pequenas forças. O Flávio mostrou capacidade de liderança ao aglutinar todas estas forças”, pontuou.

Ao falar da campanha anticomunista de Edinho Lobão, rabelo se mostrou revoltado com desrespeito à história do partido, mas disse que estavam preparados para o pior. “Sabíamos que eles iriam utilizar todos os elementos possíveis. Mas eles conseguiram passar do nível de desespero e chegar a um nível de estupidez. Aquele vídeo com um preso acusando Flávio de crimes fez com que eles se expusessem muito. aquilo foi um crime eleitoral”, afirmou.