Mais um caso de estupro de avô contra neta é registrado no Maranhão

A Polícia Civil do Maranhão, através da Delegacia Especial da Mulher de Itapecuru-Mirim, prendeu, nesta terça-feira (16), prendeu Genézio Sousa Beserra, pela prática do crime de estupro de vulnerável. Ele é suspeito de abusar própria neta de 12 anos.

A operação policial ocorreu no Povoado Carmo e foi comandada pela Delegada Tainara Mendes Cunha.

Em menos de 10 dias esse é o segundo caso de estupro envolvendo avô e neta. No dia 9 de julho, no Povoado Mata, zona rural de Icatu, a polícia deu cumprimento do mandado de prisão preventiva em desfavor de José Ribamar Alves, (62), pela prática de estupro de vulnerável, tendo como vítima uma neta de 11 anos, crime previsto no art. 217-A do Código Penal.