“Mostra Quelly” faz homenagem a transexual assassinada

Acontece até esta quarta-feira (12), no Centro Cultural da Vale, a “Mostra Quelly” de cinema. O título faz menção a uma homenagem à transexual Quelly da Silva, morta em janeiro deste ano em São Paulo, vítima de transfobia. Todas as produções são inéditas no Maranhão.

A programação traz filmes premiados e que fizeram sucesso em festivais nacionais e internacionais. A Mostra, criada pelo cineasta George Pedrosa, em parceria com os produtores Josh Baconi e Gabriel Marques, foi selecionada no Edital Pátio Aberto 2019. A programação traz seis curtas metragens e um longa, produzidos em diversas regiões do país, que representam o olhar de cineastas brasileiros sobre a temática LGBTQ+.