Presidente da Famem fala sobre o encontro com o ministro-chefe da Presidência

O encontro com o general Carlos Alberto Santos Cruz aconteceu na última terça-feira (8). O presidente da Famem  levou para o encontro, que aconteceu em Brasília, uma pauta municipalista com vários temas e que foi elaborada durante um outro encontro com vários representantes de municípios do Maranhão.

“A principal reivindicação nossa é referente à educação, que fosse precatória. Esses precatórios eu disse a ele (ministro) que os municípios da Bahia, da Paraíba e do Ceará já receberam os recursos, somente o Maranhão, apenas 18 municípios[…] a União deve aos municípios”, afirmou o presidente da Famem.

Sobre a principal reivindicação dos municípios maranhenses, Cleomar Tema afirmou que o ministro-chefe do Governo disse que as reivindicações eram justas e coincidia com a posição do Governo.

Segundo Cleomar Tema, o ministro Carlos Alberto Santos Cruz ainda teria dito que “o Governo vai governar com os municípios brasileiros.”

A proposta dos representantes dos municípios maranhenses para solucionar o problema dos repasses, é de abdicar até 50% do valor desde que o pagamento seja feito durante dois anos pelo Governo. Esse recurso, de acordo com Cleomar Tema, serão investidos em educação, formação de professores, aquisição de transporte escolar e construção de novas escolas.

Em resposta à reivindicação, o ministro-chefe pediu um prazo de 30 dias para que seja resolvido esse problema dos municípios maranhenses. As propostas dos representantes do Estado serão levadas ao ministro da Economia, Paulo Guedes.

Recursos para a área da saúde nos municípios maranhenses e a elevação de 1% no Fundo de Participação dos Municípios foram assuntos também abordados durante o encontro e agora esperam uma resposta do Governo.

Veja a entrevista na íntegra!