Polícia estoura mais um depósito de mercadorias contrabandeadas

Durante a tarde desta sexta-feira (2), a Polícia Militar, com apoio do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), estourou mais um grande depósito de mercadorias contrabandeadas como cigarros e uísques, localizado no bairro Matinha do Rio Grande, na saída de São Luís. O estouro faz parte da Operação ‘Combate à Corrupção’, que resultou na prisão de PMs e do ex-superintendente de Polícia Civil do Maranhão, Tiago Bardal. Um galpão já havia sido descoberto e estourado no dia 22 de fevereiro, quando foram apreendidas diversas mercadorias ilícitas como bebidas, cigarros, drogas e armas.

A operação foi comandada pelo Coronel Sodré e até o momento, ninguém foi preso.  Um revólver foi apreendido. De acordo com o Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, este segundo galpão seria dez vezes maior do que o primeiro encontrado e o valor em mercadoria do primeiro estouro seria de 16 milhões de reais.

No interior do galpão, foi encontrada uma grande quantidade de mercadorias contrabandeadas.